- Publicidade-
Smooth Jazz Rádio Calema
Inicio Mundo Lusófono Cabo Verde Oposição acusa Governo de Cabo Verde de “sequestrar” mercado de telecomunicações

Oposição acusa Governo de Cabo Verde de “sequestrar” mercado de telecomunicações

Observador|Lusa

O maior partido da oposição em Cabo Verde acusou esta quinta feira o Governo de sequestrar o mercado das telecomunicações, a propósito da recompra de 40% da CV Telecom (CVT) pelo Estado cabo-verdiano.

Em conferência de imprensa, na Praia, ilha de Santiago, o membro do conselho nacional do Partido Africano da Independência de Cabo Verde (PAICV) Jorge Lopes criticou o negócio anunciado na terça-feira pelo Governo e que consistiu na aquisição pelo Estado cabo-verdiano de 40% da CV Telecom.

“O setor das telecomunicações não podia ter pior notícia. O mercado (…) depara-se, de repente, com uma situação de coexistência e de sobreposição entre o Estado concedente, o Estado operador e o Estado concessionário. O mercado das telecomunicações foi literalmente sequestrado pelo Estado”, defendeu.

E questionou: “Ou estamos perante uma aquisição com caráter temporário, até que apareça um novo interessado, tendo, neste caso, o Instituto Nacional de Previdência Social (INPS) e da Aeroportos e Segurança Aérea (ASA) funcionado como meros instrumentos financeiros do Estado na operação?”.

O PAICV perguntou ainda se “não terão o INPS e a ASA servido apenas de uma espécie de barriga de aluguer ou um expediente de caixa, de que o atual Governo lançou mão para concretizar a reestatização da CVT”.

Para este partido, “a melhor forma de fazer este resgate das ações na CV Telecom era, seguramente, a prevista no protocolo de janeiro de 2016, ou seja, a procura de um terceiro cessionário”.

“Em si, o resgate desse importante bloco de ações da CVT não deixa de ser importante, pois pode devolver alguma estabilidade à empresa”, reconheceu, considerando, contudo, que a forma como foi feita “deixa sérias preocupações”.

O acordo agora alcançado entre o Estado de Cabo Verde e a PT Ventures SGPS consiste na compra da participação detida pela PT Ventures SGPS na Cabo Verde Telecom contra a desistência das ações em tribunal e sem indemnização.

No seguimento deste acordo, o controlo acionista da CV Telecom passa a ser do INPS (57,9%), seguindo-se a ASA (20%), Estado de Cabo Verde (3,4%), Correios de Cabo Verde (0,7%) e privados nacionais (18%).

A venda das ações será feita através da Bolsa de Valores de Cabo Verde em data e condições ainda a definir.

- Publicidade -
- Publicidade -

Níger: Rapto de um cidadão norte-americano em zona de frequentes ataques do Boko Haram

Na madrugada desta terça-feira, 27 de outubro, foi raptado um cidadão norte-americano em Massalata, no sul do Níger, a cerca de 400 kms a...
- Publicidade -

Guiné-Bissau: “Young Nuno” quer resgatar com murais memórias dos combatentes da liberdade

O artista plástico guineense Nuno Ala Tambá, de 29 anos de idade, cujo nome artístico é "Young Nuno", lidera um grupo de jovens, que...

Angola e Portugal eliminam dupla tributação

A convenção entre Angola e Portugal, que elimina a dupla tributação em matéria de impostos sobre o rendimento e previne a fraude e a...

Um remédio chamado 5G

O estado do sistema de saúde angolano é crítico e precisa de um tratamento de choque. Mais médicos, mais hospitais, mais políticas públicas. E...

Notícias relacionadas

Níger: Rapto de um cidadão norte-americano em zona de frequentes ataques do Boko Haram

Na madrugada desta terça-feira, 27 de outubro, foi raptado um cidadão norte-americano em Massalata, no sul do Níger, a cerca de 400 kms a...

Guiné-Bissau: “Young Nuno” quer resgatar com murais memórias dos combatentes da liberdade

O artista plástico guineense Nuno Ala Tambá, de 29 anos de idade, cujo nome artístico é "Young Nuno", lidera um grupo de jovens, que...

Angola e Portugal eliminam dupla tributação

A convenção entre Angola e Portugal, que elimina a dupla tributação em matéria de impostos sobre o rendimento e previne a fraude e a...

Um remédio chamado 5G

O estado do sistema de saúde angolano é crítico e precisa de um tratamento de choque. Mais médicos, mais hospitais, mais políticas públicas. E...

Covid-19: Angola com 263 novas infecções e 22 recuperados

O país registou, nas últimas 24 horas, mais 263 novas infecções, duas mortes e 22 pacientes recuperados. Segundo o secretário de Estado para a Saúde...
- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.