Portal de Angola
Informação ao minuto

Homem detido por violar a neta de 13 anos na Huíla

Imagem ilustrativa (DR)

Um homem de 45 anos, residente no município da Chibia, província da Huíla, foi detido pelo Serviço de Investigação Criminal (SIC) por abusar de uma neta, de 13 anos, estudante, depois de ambos terem saído de um convívio, na comuna de Capunda Cavilongo.

Ao NJOnline, o porta-voz do Comando Provincial da Huíla da Polícia Nacional (PN), inspector-chefe Luís Filipe Zilungo, disse que o SIC-Huila, em coordenação com a PN, deteve, na quarta-feira,22, um cidadão nacional, camponês, de 45 anos, por presumível prática do crime de violação sexual, ocorrido no dia 21 deste mês em que foi vítima uma menor de 13 anos, sua neta.

“A denúncia foi feita por familiares do acusado, que revelaram ao SIC que, após o detido e a menor terem saído de um convívio, na comuna de Capunda Cavilongo, o homem “arrastou” a vítima para uma lavra, onde manteve cópula ilícita com a mesma”, disse o responsável em declarações ao NJOnline.

O oficial da PN salientou ainda que a menor foi submetida a exames médicos que comprovaram que a criança foi abusada pelo próprio avô.

“A criança foi encaminhada para uma unidade hospitalar onde recebeu cuidados médicos e foi submetida a exames para apurar a acusação feita pelos familiares”, disse, revelando que as análises médicas certificaram que a menor foi abusada pelo seu avô que agora se encontra detido.

Filipe Zilungo acrescentou que o acusado foi ouvido no primeiro interrogatório pelo magistrado do Ministério Público junto do SIC-Huíla e está agora em prisão preventiva.

“Após ter sido detido esta quarta-feira pelo SIC-Huíla por suspeitas de abuso sexual da neta na comuna de Capunda Cavilongo, o procurador não teve dúvidas depois de analisar o resultado dos exames médicos e aplicou ao suspeito a media de coacção de prisão preventiva”, atestou.

Também pode gostar

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está bem com isso, mas você pode optar por sair, se desejar. Aceitar Leia mais

Translate »