- Publicidade-
Smooth Jazz Rádio Calema
Inicio Política PR dialoga com entidades da sociedade civil

PR dialoga com entidades da sociedade civil

De acordo com a Angop, o Presidente da República, João Lourenço, auscultou, esta terça-feira, as inquietações dos líderes religiosos, autoridades tradicionais e representantes da câmara de comércio de Malanje, centradas na falta de emprego para a juventude.

Em audiências separadas, João Lourenço dialogou com o rei do Ndongo, Buba Nvula Dala, com o arcebispo de Malanje, Dom Benedito Roberto, o bispo da Igreja Metodista Unida, José Kipungo e com o presidente da Câmara de Comércio e Indústria de Malanje, Domingos Jorge.

O soberano do Reino do Ndongo disse ter apresentado ao Presidente da República os problemas do desemprego, fundamentalmente da juventude e da reabilitação das vias que dão acesso às zonas rurais.

Já o arcebispo de Malanje expôs a necessidade da reconstrução das infra-estruturas católicas, com destaque para os internatos, missões, a par da construção de centros de artes e ofícios da igreja Católica para a redução do índice de desemprego na juventude.

O bispo da Igreja Metodista Unida, José Kipungo, disse que recebeu garantias do Tituar do Poder Executivo da reabilitação das infra-estruturas do Quéssua.

A câmara de comércio e indústria de Malanje, através do seu presidente, Domingos Jorge, apresentou várias preocupações, com realce para a dívida pública, funcionamento da banca e sua flexibilidade, vias de acesso para o escoamento dos produtos e a extensão da rede eléctrica aos municípios.

Segundo o responsável, recebeu garantias do Presidente de que acções concretas estão a ser levadas a cabo para que a dívida pública seja paga, assim como a materializações de outras tarefas, com vista a apoiar o empresariado nacional.

O Presidente da República visitou uma feira de produtos de produção local.

O programa de visita de João Lourenço reserva, para quarta-feira, visita às instalações do Instituto Superior de Tecnologia Agro-Alimentar de Malanje e as obras da centralidade local.

- Publicidade -
- Publicidade -

[Análise] Como estão os líderes empresariais africanos a lidar com a crise do coronavírus?

Pessimismo no futuro imediato, mas confiança no futuro do continente a longo prazo: esta é a conclusão da segunda edição do barómetro sobre o...
- Publicidade -

China garante que OMS deu aval ao uso de vacinas que ainda estão em estudo

As autoridades chinesas dizem que a Organização Mundial da Saúde deu apoio e aceitou a administração de vacinas experimentais que estão a ser desenvolvidas...

Covid-19: Grupo de 34 reclusos infetados foge de prisão no Brasil

Um grupo de 34 presos, infetados com covid-19, fugiu esta terça-feira através de um túnel de uma prisão no Brasil, com graves problemas de...

Zimbabwe aceita devolver terras a fazendeiros brancos

O Governo zimbabweano está a elaborar um plano para possibilitar a devolução, a milhares de fazendeiros brancos, das terras que lhes foram violentamente retiradas...

Notícias relacionadas

[Análise] Como estão os líderes empresariais africanos a lidar com a crise do coronavírus?

Pessimismo no futuro imediato, mas confiança no futuro do continente a longo prazo: esta é a conclusão da segunda edição do barómetro sobre o...

China garante que OMS deu aval ao uso de vacinas que ainda estão em estudo

As autoridades chinesas dizem que a Organização Mundial da Saúde deu apoio e aceitou a administração de vacinas experimentais que estão a ser desenvolvidas...

Covid-19: Grupo de 34 reclusos infetados foge de prisão no Brasil

Um grupo de 34 presos, infetados com covid-19, fugiu esta terça-feira através de um túnel de uma prisão no Brasil, com graves problemas de...

Zimbabwe aceita devolver terras a fazendeiros brancos

O Governo zimbabweano está a elaborar um plano para possibilitar a devolução, a milhares de fazendeiros brancos, das terras que lhes foram violentamente retiradas...

Inacom e parceiros criam plataforma de diálogo

O Instituto Angolano das Comunicações (INACOM), as operadoras e as associações dos consumidores, decidiram, a partir desta quinta-feira, em Luanda, a criação de uma...
- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.