- Publicidade-
Smooth Jazz Rádio Calema
Inicio Mundo Lusófono Portugal Rapou o cabelo e fingiu ter cancro para conseguir 20 mil euros

Rapou o cabelo e fingiu ter cancro para conseguir 20 mil euros

Jornal de Notícias | Marisa Rodrigues

Durante dois anos fingiu lutar contra um cancro no útero, nos pulmões e nos ossos. Angariou cerca de 20 mil euros em campanhas solidárias até ser detida pela GNR de Albufeira. Foi agora acusada pelo Ministério Público de um crime de burla qualificada.

De acordo com a acusação, divulgada esta terça-feira pela Procuradoria da Comarca de Faro, “durante mais de dois anos a arguida viveu dos fundos que obteve com a falsa alegação de que tinha uma doença oncológica em fase terminal”, começando por convencer os “conhecidos e familiares, incluindo os seus filhos e companheiro” conseguindo, assim, que várias pessoas, “por solidariedade, lhe entregassem elevadas quantias para a ajudarem” a pagar os tratamentos de que não precisava.

Ainda segundo a acusação, “de forma a convencê-las, terá chegado a rapar o cabelo, a tirar fotografias em instituições de saúde especializadas no tratamento da doença, a simular feridas”.

Para angariar dinheiro foram feitas campanhas nas redes sociais e organizadas festas, promovidas por empresários e associações. Em várias lojas e estabelecimentos de restauração foram colocados mealheiros para recolher fundos. “Os lucros reverteram para a arguida, que conseguiu, assim, receber pelo menos duas dezenas de milhares de euros”, acrescenta a Procuradoria da Comarca de Faro, em comunicado.

A arguida, Daniela Costa, de 34 anos, foi desmascarada em outubro do ano passado, quando a mulher estava na Fundação Champalimaud, em Lisboa, onde ia muitas vezes, fingindo sofrer de cancro. A sua atuação despertou suspeitas e a PSP foi alertada. Acabou por ser levada para a psiquiatria. Mais tarde foi-lhe diagnosticada uma perturbação psíquica. Não sofria de quaisquer problemas oncológicos.

- Publicidade -
- Publicidade -

Manuel Vicente refuta “acusações falsas” e promete analisar uma reacção judicial

O antigo vice-Presidente de Angola considera de falsas as acusações do antigo presidente do Banco Fomento Angola e braço direito de Isabel dos Santos,...
- Publicidade -

Partiu a cantora Juliette Gréco

Faleceu aos 93 anos de idade Juliette Gréco, grande nome da música francesa, a par de outras grandes vozes como Edith Piaf ou Barbara....

Alassane Ouattara considera “provocações” candidaturas de Gbagbo e de Soro

O Presidente da Costa do Marfim, Alassane Ouattara, que concorre a um terceiro mandato, considerou que as candidaturas do seu antecessor, Laurent Gbagbo, e...

Covid-19: Cuando Cubango regista morte do primeiro e único caso positivo

A província do Cuando Cubango registou, ontem, o primeiro caso positivo, importado do Huambo, que resultou em morte. Das 18 regiões do país, Namibe...

Notícias relacionadas

Manuel Vicente refuta “acusações falsas” e promete analisar uma reacção judicial

O antigo vice-Presidente de Angola considera de falsas as acusações do antigo presidente do Banco Fomento Angola e braço direito de Isabel dos Santos,...

Partiu a cantora Juliette Gréco

Faleceu aos 93 anos de idade Juliette Gréco, grande nome da música francesa, a par de outras grandes vozes como Edith Piaf ou Barbara....

Alassane Ouattara considera “provocações” candidaturas de Gbagbo e de Soro

O Presidente da Costa do Marfim, Alassane Ouattara, que concorre a um terceiro mandato, considerou que as candidaturas do seu antecessor, Laurent Gbagbo, e...

Covid-19: Cuando Cubango regista morte do primeiro e único caso positivo

A província do Cuando Cubango registou, ontem, o primeiro caso positivo, importado do Huambo, que resultou em morte. Das 18 regiões do país, Namibe...

Em apoio à Charlie Hebdo media franceses apelam a liberdade de expressão

Cerca de uma centena de médias franceses, incluindo jornais, revistas, canais de televisão e estações de rádio publicaram na quarta-feira uma carta aberta para...
- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.