Portal de Angola
Informação ao minuto

Trinta e dois mortos em motim em prisão no Tajiquistão

(DR)

Mais de 30 pessoas, incluindo três seguranças, foram mortos durante um motim numa prisão na cidade tajique de Vahdat, informou à Sputnik o vice-ministro da Justiça do Tajiquistão, Mansurdzhon Umarov.

“Durante o motim, três guardas e 29 prisioneiros morreram, dos quais oito foram mortos por outros presos”, disse Umarov.

A prisão, localizada a cerca de 15 quilómetros a sudeste de Dushanbe, tem cerca de 1.500 reclusos.

De acordo com as informações preliminares, tumultos nas prisões aconteceram por volta das 20h30, hora local.
Cerca de 30 presos armados com facas e outros objectos pontiagudos, principalmente aqueles que cumprem penas por terem combatido nas fileiras do Daesh, tomaram três guardas de reféns e exigiram a liberdade.

A administração tentou resolver o problema através de negociações, mas uma briga entre os prisioneiros escalou para um confronto violento.

As forças de segurança conseguiram render os amotinados e recuperar o controlo da situação.

Uma investigação foi aberta na sequência do incidente.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está bem com isso, mas você pode optar por sair, se desejar. Aceitar Leia mais

Translate »