Ensa
Portal de Angola
Informação ao minuto

Como a Huawei coordenou um esquema de espionagem industrial por e-mail

O caso remonta a 2012 (© Daniel Dal Zennaro/EPA)

TSF | Rui Tukayana

Na China, engenheiros da empresa a exigirem informações. Na América, funcionários da companhia constantemente apanhados em artimanhas. Spoiler: parece um filme de comédia.

No início de 2012, a Huawei começou a construir o seu próprio robô para executar testes à fiabilidade dos seus telefones – o xDeviceRobot. Com ele, a empresa chinesa esperava melhorar a qualidade dos seus telemóveis, que nos testes de laboratório tinham maior tendência a dar problemas do que os equipamentos das outras fabricantes de smartphones.

Foi assim que, em maio de 2012, a Huawei perguntou à T-Mobile, uma operadora móvel norte-americana, se poderia licenciar ou comprar o robô que esta empresa utilizava para testar telemóveis. Um robô chamado Tappy, muito respeitado, e que serve de padrão para boa parte das fabricantes de telemóveis. Às propostas da marca chinesa a T-Mobile respondeu que não.

E então, a Huawei decidiu roubar o Tappy.

Traga as pipocas, isto vai ser interessante

O que se segue são e-mails e informações obtidas no âmbito de uma investigação judicial que foi tornada pública em janeiro deste ano. Nessa altura, a imprensa norte-americana publicou alguns relatos daquilo que os procuradores norte-americanos provaram que aconteceu.

Este texto é baseado naquilo que foi publicado pelo Engadget, um popular site dedicado à tecnologia.

O caso remonta a 2012. Os procuradores federais provaram que, após ter conseguido colocar um punhado de funcionários na sede da T-Mobile, a Huawei USA e a Huawei China tentaram obter de forma ilegal informação acerca do Tappy. A operação de espionagem durou um ano e culminou em roubo. Em 2014, a Huawei foi considerada culpada de apropriação indevida de propriedade intelectual.

O que se segue é o relato dos procuradores:

Data: maio de 2012
De: R.Y. (Huawei USA Director of Technical Acceptance)
Para: engenheiros @ huawei
Assunto: Licenciamento Robô T-Mobile

Perguntei sobre licenciamento ou compra de Tappy, mas T-Mobile disse que não. Eles “não têm planos de vender o sistema robótico” para qualquer fabricante de telefones, incluindo a Huawei.

________________________

Data: julho de 2012
De: H.L. (funcionário da Huawei USA na T-Mobile)
Para: engenheiros @ huawei
Assunto: Relatório de progresso

Sobre o pedido de fotos e especificações técnicas do robô da T-Mobile (ou seja, números de série de componentes, detalhes de hardware e software), não conseguimos obter informações relevantes. Eles dizem que é por causa dos “regulamentos de segurança da informação”. Fomos lembrados [pela T-Mobile] de que todos os funcionários da Huawei assinaram acordos de não-divulgação.

________________________

Data: setembro de 2012
De: H.P. (Diretor de Departamento de Gestão de Testes de Dispositivos da Huawei China)
Para: usa @ huawei
Assunto: Objetivos

O ponto principal é descobrir as especificações e funções do robô. Aqui estão os benchmarks dos produtos que nós mesmo desenvolvemos.

________________________

Data: setembro de 2012
De: R.Y. (Funcionário da Huawei USA)
Para: hp @ huawei, engenheiros @ huawei
Assunto: atualização

A T-Mobile não está disposta a compartilhar os detalhes da tecnologia / documentação do robô com a Huawei ou qualquer outro fabricante. Eles recusaram-se a fornecer-nos os detalhes das especificações de hardware e software do robô.

________________________

Data: novembro de 2012
De: J.Y. (Engenheiro da Huawei na China)
Para: ry @ huawei
Assunto: Lembrete

“Este e-mail é apenas um gentil lembrete das informações que precisamos para construir o nosso próprio sistema de robô”.

TappyTechSpecsRequest.ppt

________________________

Data: novembro de 2012
De: R.Y. (Funcionário da Huawei USA)
Para: A.X. (Engenheiro Huawei EUA), engenheiros @ huawei
Assunto: FWD: Lembrete

Vejam a mensagem de J.Y.

________________________

Data: novembro de 2012
De: R.Y. (Funcionário da Huawei USA)
Para: jy @ huawei
Assunto: Re: FWD: Lembrete

Os engenheiros da Huawei USA “tiveram acesso ao laboratório de robô … Eles sabem como funciona o robô da T-Mobile. Pedi-lhes que escrevessem a informação em detalhe e depois enviassem para” a Huawei China.

________________________

Data: novembro de 2012
De: A.X. (Engenheiro da Huawei USA)
Para: jy @ huawei
Assunto: Re: Re: FWD: Lembrete

“Lamentamos, mas não podemos obter mais informações da T-Mobile e não podemos finalizar” o PowerPoint “como falamos. Comos vocês sabem, podemos tirar algumas fotos do procedimento de teste e da configuração. Esperamos que seja útil para o departamento de R&D na sede”.

________________________

Data: novembro de 2012
De: A.X. (Engenheiro da Huawei USA)
Para: jy @ huawei, engenheiros @ huawei
Assunto: Fotos

Aqui estão fotos de Tappy e da interface de software.

tappy1.jpg
tappy2.jpg
tappy3.jpg
tappy4.jpg

________________________

Data: dezembro de 2012
De: R.Y. (Funcionário da Huawei USA)
Para: jy @ huawei, engenheiros @ huawei
Assunto: Atualização

“Não recebemos muita informação da T-Mobile sobre essas questões que vocês colocaram. Mais uma vez, a T-Mobile não quer compartilhar mais nenhuma informação sobre o sistema robótico connosco. No entanto, ainda esperamos obter mais informações durante os nossos testes no laboratório de robôs da T-Mobile. Mas isso não vai acontecer em breve”.

________________________

Data: dezembro de 2012
De: J.Y. (Engenheiro da Huawei na China)
Para: ry @ huawei, A.X. @ huawei, eua @ huawei, engenheiros @ huawei
Assunto: problemas com o xDeviceRobot

“Ainda estamos a trabalhar no nosso próprio robô e estamos a ter alguns alguns problemas com o sistema”. São necessárias informações sobre o Tappy. Os testes de software são otimizados para cada dispositivo testado? Qual é a velocidade de toque do Tappy? Como é que a ponta de borracha foi instalada? Há ar na ponta de borracha?

________________________

Data: janeiro de 2013
De: A.X. (Engenheiro da Huawei USA)
Para: jy @ huawei
Assunto: Re: problemas com o xDeviceRobot

Veja fotos em anexo do Tappy.

tappy5.jpg
tappy6.jpg

________________________

Data: janeiro de 2013
De: J.Y. (Engenheiro da Huawei na China)
Para: ry @ huawei, A.X. @ huawei, eua @ huawei
Assunto: braço do Tappy

Precisamos de mais informações técnicas, especificamente “o tempo de resposta do braço mecânico do robô da T-Mobile”.

________________________

Data: janeiro de 2013
De: A.X. (Engenheiro da Huawei USA)
Para: jy @ huawei
Assunto: Re: braço do Tappy

A T-Mobile não nos quer dar essa informação.

“Mais uma vez, NÃO podemos fazer perguntas à T-Mobile sobre o robô. A T-Mobile está MUITO irritada com as perguntas que fizemos. Desculpem, mas não podemos dar-vos mais informações”.

Eu acho que um engenheiro da Huawei China devia vir a Seattle e observar o Tappy diretamente. “Ele irá aprender muito em conhecimento e experiência”.

________________________

Data: março de 2013
De: F.W. (engenheiro da Huawei na China)
Para: hl @ huawei, engenheiros @ huawei
Assunto: atualização xDeviceRobot

“A partir dos resultados de uma recente verificação do sistema xDeviceRobot, é claro que para nós que ainda existe uma disparidade com os resultados da T-Mobile”.

H.L., será que você pode obter informações sobre o braço e a ponta do robô da T-Mobile? Precisamos de área de contacto, dureza e pressão.

________________________

Data: março de 2013
De: H.L. (engenheiro da Huawei EUA)
Para: fw @ huawei
Assunto: Re: Atualização xDeviceRobot

Recolher informações da T-Mobile é arriscado. Em alternativa, eu recomendo entrar em contato com a fabricante do robô. Falar com a T-Mobile “seria um tiro pela culatra”, especialmente “depois de termos assinado um contrato de confidencialidade no laboratório da T-Mobile, a relevância desta informação é muito sensível para nós”.

________________________

Data: abril de 2013
De: J.Y. (Engenheiro da Huawei na China)
Para: ry @ huawei, A.X. @ huawei, eua @ huawei, engenheiros @ huawei
Assunto: xDeviceRobot – mais dificuldades

Ainda não estamos ao mesmo nível do robô T-Mobile. Por favor, envie mais informações sobre padrões de calibração, cálculos de atraso e software.

________________________

Data: abril de 2013
De: R.Y. (Funcionário da Huawei USA)
Para: jy @ huawei, engenheiros @ huawei
Assunto: Re: xDeviceRobot – mais dificuldades

“Primeiramente, fico feliz que o departamento de R&D da sede continue a melhorar o sistema de robôs da Huawei. Com base no teste” de telefones da T-Mobile, “é notória uma grande diferença de resultados de testes entre o robô da T-Mobile e o nosso robô. Acho que temos muito trabalho para melhorar o desempenho do nosso robô. A diferença entre dois não é apenas o hardware, mas também (mais importante) o software. A T-Mobile gastou muito mais dinheiro em software do que em hardware”.

“Mais uma vez, não podemos obter mais informações sobre o sistema do robô da T-Mobile. Eles queixaram-se muito sobre isso porque lhes fizemos muitas perguntas sobre o robô a pedido da sede da Huawei. A T-Mobile disse-me que, se lhes fizermos novamente essas perguntas, não nos permitirão continuar a utilizar o seu laboratório robótico. A T-Mobile montou um sistema de segurança colocando uma câmara no laboratório onde está o Tappy. E eu acho que todos sabemos o que isso significa. Não podemos fornecer mais informações quartel-general porque não podemos obter nada da T-Mobile”.

“Mais uma vez, sugeri que à sede enviasse um engenheiro para a T-Mobile para uma experiência prática, mexendo no sistema do robô. Acredito que isso daria à equipe que está a desenvolver o nosso equipamento um enorme entendimento sobre o sistema de robôs da T-Mobile, tanto a nível do hardware e software, mas também do funcionamento”.

________________________

Data: abril de 2013
De: funcionário da Huawei USA
Para: jy @ huawei, ry @ huawei, engenheiros @ huawei
Assunto: Re: Re: xDeviceRobot – mais dificuldades

Razões pelas quais eu sei que a T-Mobile não compartilha informações conosco:

1. “A T-Mobile esclarece que empresas como a Huawei e a Samsung não estão apenas a trabalhar com a T-Mobile, mas também com os seus concorrentes, como a Verizon, a AT&T e outras operadoras”. “Se cada empresa for ajudado pela T-Mobile acerca dos testes, isso certamente também irá também melhorar a qualidade do produto dos concorrentes da T-Mobile. Em resultado, a T-Mobile estaria a fazer uma boa ação para a toda a indústria”.
2 – “A T-Mobile levou cerca de quatro anos e muita otimização de recursos para desenvolver o sistema Tappy e é dona dos direitos de propriedade intelectual”.

________________________

Data: abril de 2013
De: Diretor Executivo de Avanços Técnicos da Huawei USA
Para: jy @ huawei, ry @ huawei, engenheiros @ huawei
Assunto: Re: Re: Re: xDeviceRobot – mais dificuldades

O acesso a Tappy por nossos engenheiros no local “é estritamente controlado”. Eles estão “limitados ao uso” do robô da T-Mobile, e “tudo o mais é categoricamente negado”.

“Por terem tentado responder às perguntas vindas da nossa sede, os nossos funcionários foram alvo de duas queixas, e foi declarado que, se as perguntássemos novamente, as credenciais da Huawei para usar o Laboratório de Robôs da T-Mobile terminariam”. Eu faço eco de sugestões anteriores para enviar um engenheiro da sede para ver o Tappy pessoalmente.

________________________

Data: abril de 2013
De: F.W. (engenheiro da Huawei na China)
Para: Diretor Executivo de Avanços Técnicos da Huawei USA
Assunto: Viagem a Washington

Há vários objetivos para minha viagem à sede da T-Mobile, mas principalmente pretendo:

1 – obter dados técnicos detalhados sobre hardware e software da Tappy
2- Tirar fotos e vídeos
3 – “Para as questões acerca do braço mecânico, pretendo ir ao laboratório para o avaliar e obter dados de medição”

Espero chegar a Washington no dia 11 de maio.

________________________

Data: maio de 2013
De: F.W. (engenheiro da Huawei na China)
Para: engenheiros @ huawei, usa @ huawei, Diretor Executivo de Avanços Técnicos da Huawei USA
Assunto: Reconhecimento

A.X. deixou-me entrar no laboratório do Tappy duas vezes nos últimos dias. Ambas as vezes fomos descobertos por um funcionário da T-Mobile e pediram-me para sair, já que eu não podia estar ali. Observei o robô nas duas visitas e tirei fotos na segunda.

“Hoje fui novamente ao laboratório de testes de braço mecânico da T-Mobile e consegui obter uma compreensão geral do ambiente de teste. Eu resumi-a, por favor, dêem uma vista de olhos” no documento em anexo e nas fotos.

A T-Mobile deixou claro que não posso entrar novamente no laboratório de robôs. Daqui para a frente, A.X. irá “ajudar-vos a obter uma compreensão mais profunda das informações que ainda faltam”.

Robot Environmental Information.doc
tappypic1.jpg
tappypic2.jpg
tappypic3.jpg
tappypic4.jpg
tappypic5.jpg

________________________

Data: maio de 2013
De: relações com parceiros da T-Mobile
Para: usa @ huawei
Assunto: Devolver todas as credenciais imediatamente

Devido a violações recentes e repetidas das regras da T-Mobile na nossa sede, o acesso da Huawei USA ao laboratório Tappy foi revogado. Todos os funcionários da Huawei USA devem devolver seus crachás de acesso à T-Mobile, com exceção de A.X., que será o único funcionário da Huawei USA com acesso às instalações de teste. Isso é apenas para que a Huawei possa concluir testes nos projetos que já estão em andamento.

________________________

Data: maio de 2013
De: J.Y. (Engenheiro da Huawei na China)
Para: A.X. @ huawei, ry @ huawei, hl @ huawei
Assunto: Informação necessária

A equipa de engenharia precisa de mais detalhes sobre o robô da T-Mobile:

1 – especificações exatas, operações e uma lista de componentes usados
2 – como calcula o tempo de resposta da interface do usuário
3 – forma, diâmetro e dureza da ponta
4 – como lida com a força
5 – sensores usados ​​para apoiar o braço e a câmera
6 – “muitas fotos e vídeos do processo de teste”

________________________

Data: maio de 2013
De: A.X. (Engenheiro da Huawei USA)
Para: jy @ huawei
Assunto: Re: informação necessária

“Nós certamente ajudaremos se pudermos; este momento é muito sensível”.

Em relação a fotos e vídeos, “depois da T-Mobile devolver as nossas credenciais, eu envia-los-ei de volta para casa. Não há necessidade da sede estar continuamente a lembrar-me disso”.

________________________

Data: maio de 2013
De: engenheiros @ huawei
Para: A.X. @ huawei, jy @ huawei, fw @ huawei
Assunto: Braço robótico

A equipe xDeviceRobot precisa de especificações do braço. Especificamente, o diâmetro da ponta final do bastão condutor.

________________________

Data: maio de 2013
De: F.W. (engenheiro da Huawei na China)
Para: engenheiros @ huawei, jy @ huawei, A.X. @ huawei
Assunto: Re: Braço robótico

A.X.. foi capaz de remover o braço do robô do laboratório sem ser detectado e eu tomei medidas exatas. No entanto, a T-Mobile descobriu rapidamente que o braço estava em falta e o A.X. foi forçado a devolver a peça no dia seguinte. A.X.. disse-lhes que foi “um engano”. O nosso acesso ao laboratório foi completamente revogado e os funcionários da Huawei USA deixaram de poder entrar nas instalações sem supervisão.

Eu anexei medidas detalhadas do braço. Vejam as fotos para mais detalhes.

tappyarm1.jpg
tappyarm2.jpg
tappyarm3.jpg
tappyarm4.jpg
tappyarm5.jpg

________________________

Data:> maio de 2013
De: engenheiros @ huawei
Para: A.X. @ huawei
Assunto: medidas exatas da ponta

Conseguem medir o bastão condutor com um dispositivo de pinça?

________________________

Data: maio de 2013
De: A.X. @ huawei
Para: engenheiros @ huawei
Assunto: Re: medidas exatas da ponta

F.W. “já enviou as fotos para casa”.

________________________

Sobre este caso, a Huawei diz que a situação já foi resolvida. E foi. Num tribunal civil, um júri de Seattle condenou a Huawei a pagar à T-Mobile 4,8 milhões de dólares em danos. No entanto, essa multa foi aplicada devido a quebra de contrato, e não a violações de segredo comercial. O mesmo tribunal não deu como provado que a Huawei tenha usado de forma maliciosa os dados que obteve da T-Mobile, e por isso nenhuma multa foi aplicada pela alegação de quebra de segredo comercial.

Também pode gostar

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está bem com isso, mas você pode optar por sair, se desejar. Aceitar Leia mais

Translate »