Portal de Angola
Informação ao minuto

Angola reduz custos portuários de importação e exportação

Porto de Luanda é a maior porta de entrada e saída de mercadorias em Angola (Fotografia: DR)

Mercado

As comissões cobradas pelo Conselho Nacional de Carregadores (CNC) pelos serviços prestados no sub-sector marítimo-portuário foram reduzidas para metade por decisão do governo, através de um despacho do ministro dos Transportes.

O despacho determina que além da redução em 50% das comissões cobradas pela CNC pela emissão de certificados de embarque nos processos de importação, a emissão de certificados de embarque relativos a mercadorias destinadas à exportação fica isenta de qualquer pagamento.

O mesmo documento reduz em 15% a Taxa de Utilização do Porto (TUP) cobrada pela carga para exportação, ficando ainda fixado o pagamento de uma taxa máxima equivalente a 40 USD (menos 50%) pela pesagem de contentores cheios para embarque (“Verified Gross Mass”), nos termos definidos pela Convenção SOLAS.

O Conselho Nacional de Carregadores cobrava 100 USD em comissões pela emissão de certificados de embarque nos processos de importação e exportação e no que se refere à TUP os importadores desembolsavam 280 USD por contentores de 20 pés e 560 USD pelos de 40 pés, segundo o Jornal de Angola.

Também pode gostar

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está bem com isso, mas você pode optar por sair, se desejar. Aceitar Leia mais

Translate »