Ensa
Portal de Angola
Informação ao minuto

Noruega confirma mediação entre governo e oposição da Venezuela

(Venezuelan Presidency/AFP / HO) Presidente venezuelano Nicolás Maduro se reúne com Grupo de Contato para a Venezuela, em Caracas, em 16 de maio

A Noruega confirmou, nesta sexta-feira (17), a mediação entre representantes do poder e da oposição na Venezuela, para resolver o conflito político que já dura quatro meses, escreve a AFP.

“A Noruega anuncia que manteve contatos preliminares com os representantes dos principais atores políticos na Venezuela, como parte de uma fase exploratória, a fim de contribuir para encontrar uma solução para a situação do país”, informou o Ministério das Relações Exteriores da Noruega em um comunicado.

“A Noruega parabeniza as partes por seus esforços. Nós reafirmamos nosso compromisso de continuar apoiando a busca por uma solução pacífica para o país”, acrescentou.

O presidente Nicolás Maduro celebrou o “começo das conversações”, iniciadas com “o pé direito em direção à paz, à concórdia e à harmonia”, e pediu ao “povo da Venezuela que avance para a pacificação”.

Em discurso para 6.500 militares no estado de Aragua, Maduro destacou que a Venezuela “tem que administrar os seus conflitos” e buscar soluções “pelo caminho da paz”.

O líder opositor Juan Guaidó confirmou a informação, dizendo que delegados da oposição venezuelana participam de uma “mediação” da Noruega para tentar resolver a crise.

“Não há nenhum tipo de negociação”, disse ele, no entanto, durante uma reunião política em Caracas.

Mais cedo, o ministro venezuelano das Relações Exteriores, Jorge Arreaza, havia agradecido o apoio da Noruega para um “diálogo.

“O presidente Nicolás Maduro e a Revolução Bolivariana expressam a sua gratidão à Noruega e o seu apoio ao diálogo pela Paz e pela Soberania”, disse no Twitter

De acordo com a emissora pública norueguesa NRK, as negociações de Oslo, realizadas num local mantido em segredo, duraram “vários dias” e as duas delegações retornaram a Caracas na quinta-feira.

De acordo com vários meios de comunicação, tais discussões teriam envolvido, do lado de Maduro, o ministro da Comunicação Jorge Rodríguez e o governador da província de Miranda, Hector Rodriguez. A oposição teria sido representada pelo ex-parlamentar Gerardo Blyde, pelo ex-ministro Fernando Martinez Mottola e pelo vice-presidente do Parlamento, Stalin Gonzalez.

Também pode gostar

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está bem com isso, mas você pode optar por sair, se desejar. Aceitar Leia mais

Translate »