- Publicidade-
Smooth Jazz Rádio Calema
Inicio Economia Índice de Preço Grossista aumenta 1,60 pontos percentuais

Índice de Preço Grossista aumenta 1,60 pontos percentuais

O Índice de Preços Grossista (IPG) registou uma variação mensal de 1,39 %, no período de Março a Abril deste ano, mais 0,04 pontos percentuais (pp) superior ao registado no período anterior.

A variação homóloga do mês de Abri l de 2018 e Abril deste ano foi de 17,17%, registando um aumento de 1,60 pontos percentuais (pp), de acordo com o relatório do Instituto Nacional de Estatística (INE), a que Angop teve acesso hoje.

Durante o mês de Abril deste ano, os preços dos produtos nacionais aumentaram em 1,56%, em comparação com os preços do mês de Abril de 2018.

A secção B, relacionada às pescas, foi a que maior aumento de preços registou com 2,00%.

Os produtos que tiveram maior variação de preços neste grupo foram o peixe espada fresco com 2,61%, a corvina com 2,43%, garoupa com 2,41%, sardinha com 2,38%, pescada com 2,10%, cacusso com 2,08%, entre outros.

Quanto aos produtos importados, durante o mês de Abril, os preços dos produtos importados tiveram um aumento de1,34%, uma subida influenciada com a variação de preços verificada na secção A, ligada à agricultura, produção animal, caça e silvicultura, com 1,60%.

Os produtos que mais aumentaram de preços foram a ginguba com 3,40%, o limão com 3,35%, a pêra com 2,80%, o milho em grão com 2,60%, feijão castanho com 2,53%, uvas frescas com 1,94%, maça com 1,89%, laranja com 1,60%, batata rena com 0,62%, tomate com 0,53%, abóbora com 0,30% e alho com 0,29%.

O relatório do Índice de Preços Grossista refere ainda que a variação acumulada dos produtos importados de Abril de 2019 foi de 5,37%.

Ainda de acordo com o documento, os produtos nacionais e importados registaram, em Abril deste ano, uma inflação global na ordem dos 1,39%, sendo os produtos importados a que maior contribuição tiveram com 1,06 pp ou seja 76%, seguido dos produtos nacionais com 0,33 pp, correspondendo a 24% do valor da inflação global.

A inflação dos produtos nacionais em Abril de 2019 foi de 1,56%, de acordo com o relatório do INE.

A indústria transformadora (secção D) teve uma variação de 0,97pp, sendo a que mais contribuiu neste aumento.

Os produtos que mais contribuíram foram a gasosa com 0,44pp, o cimento com 0,21pp, a cerveja com 0,15 pp, sabão em barra e vinho com 0,02 pp cada, detergente em pó, carne de vaca com 0,01pp cada, entre os principais.

Enquanto isso, a inflação dos produtos importados em Abril de 2019 foi de 1,34%.

Com 1,29 pp, a indústria transformadora foi a que mais contribuiu para a variação de preços dos produtos importados.

Os produtos que mais contribuíram foram a carne de porco com 0,26pp, cerveja com 0,09pp, frango congelado com 0,08 pp, leite em pó com 0,07pp, fuba de milho e miudezas com 0,05 pp, entre outros.

- Publicidade -
- Publicidade -

Estados Unidos impõem mais sanções contra o Irão que atingem a Venezuela

Os Estados Unidos aplicaram nesta segunda-feira, 21, novas sanções contra o Ministério da Defesa do Irão que atingem também fornecedores de armas ao regime...
- Publicidade -

Guiné-Bissau: Tudo a postos para cerimónia 47 anos de Independência a 24 de Setembro

O Presidente Umaro Sissoco Embaló, que completa 48 anos a 23 de Setembro, pretende que a festa nacional que a 24 de Setembro vai...

Bolsonaro vai rebater críticas na ONU

Pressionado por organizações internacionais pelas queimadas recordes na Amazônia e no Pantanal, o presidente Jair Bolsonaro usará o discurso de abertura nos debates da...

Recredit de “banco ruim” recebe generosos fundos do Tesouro, mas sem comparticipação dos seus devedores

Nas suas análises sobre o desempenho da nossa economia, o jornal Africa Intelligent revela que "as autoridades angolanas,  pretendem demonstrar que terminou a era...

Notícias relacionadas

Estados Unidos impõem mais sanções contra o Irão que atingem a Venezuela

Os Estados Unidos aplicaram nesta segunda-feira, 21, novas sanções contra o Ministério da Defesa do Irão que atingem também fornecedores de armas ao regime...

Guiné-Bissau: Tudo a postos para cerimónia 47 anos de Independência a 24 de Setembro

O Presidente Umaro Sissoco Embaló, que completa 48 anos a 23 de Setembro, pretende que a festa nacional que a 24 de Setembro vai...

Bolsonaro vai rebater críticas na ONU

Pressionado por organizações internacionais pelas queimadas recordes na Amazônia e no Pantanal, o presidente Jair Bolsonaro usará o discurso de abertura nos debates da...

Recredit de “banco ruim” recebe generosos fundos do Tesouro, mas sem comparticipação dos seus devedores

Nas suas análises sobre o desempenho da nossa economia, o jornal Africa Intelligent revela que "as autoridades angolanas,  pretendem demonstrar que terminou a era...

Covid-19: Governo admite usar testes rápidos, mas nunca como critério único

O Ministério da Saúde admitiu esta segunda-feira vir a usar testes rápidos de detecção de covid-19, que dão resultados em meia hora, mas nunca...
- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.