Portal de Angola
Informação ao minuto

Economia portuguesa acelerou no primeiro trimestre

Coletes amarelos de Portugal (DR)

Expresso

O Produto Interno Bruto cresceu 0,5% nos primeiros três meses do ano, acima do ritmo dos três trimestres anteriores, segundo a estimativa do Instituto Nacional de Estatística. Em termos homólogos, terá crescido 1,8%, de acordo com as previsões dos economistas ouvidos pelo Expresso

A economia portuguesa continuou a acelerar no primeiro trimestre de 2019. O crescimento do Produto Interno Bruto em relação ao trimestre anterior foi de 0,5%, segundo a estimativa publicada esta quarta-feira pelo Instituto Nacional de Estatística (INE). Este crescimento em cadeia – de um trimestre para outro – tem vindo a acelerar desde o segundo trimestre do ano passado. Nos últimos três meses de 2018 cresceu 0,4% e nos dois trimestres anteriores estabilizou em 0,3%.

Em termos homólogos, ou seja, em relação ao mesmo trimestre do ano passado, o crescimento da economia portuguesa foi de 1,8%, uma aceleração em relação ao quatro trimestre do ano passado, quando registou 1,7%, No entanto, fica abaixo do ritmo anual de 2,1% registado no segundo e terceiro trimestres de 2018.

A estimativa do INE coincide com o consenso dos analistas ouvidos pelo Expresso na semana passada.

O indicador coincidente do Banco de Portugal para o primeiro trimestre, publicado em abril, já apontava no sentido de uma aceleração. A variação homóloga para os primeiros três meses de 2019 era de 2,1% , claramente acima de 1,8% observado no último trimestre do ano passado. Em termos mensais, o indicador apontava para uma aceleração de 1,8% em dezembro, para 1,9% em janeiro, 2,1% em fevereiro e 2,3% em março.

A aceleração no primeiro trimestre na economia portuguesa acompanha a mesma tendência para a Alemanha, que saiu de estagnação, para Itália, que cresceu depois de uma recessão de seis meses no ano passado, para a França e Espanha, que registaram crescimentos em cadeia mais elevados do que nos três meses anteriores.

Pelas 10 horas, o Eurostat, o organismo de estatística da União Europeia, publica a estimativa para o primeiro trimestre no conjunto da zona euro. Os analistas esperam uma aceleração para 0,4% em cadeia e 1,2% em termos homólogos. Portugal continua a crescer acima da média da zona euro.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está bem com isso, mas você pode optar por sair, se desejar. Aceitar Leia mais

Translate »