- Publicidade-
Smooth Jazz Rádio Calema
Inicio Mundo Lusófono Guiné-Bissau Mais de 90% dos funcionários públicos guineenses aderiram à greve - centrais...

Mais de 90% dos funcionários públicos guineenses aderiram à greve – centrais sindicais

DN|Lusa

Mais de 90% dos funcionários públicos da Guiné-Bissau aderiram à greve, que começou hoje e vai decorrer até quinta-feira, convocada pelas duas centrais sindicais do país para reivindicar a melhoria das condições de vida dos trabalhadores.

“O balanço é positivo e superior às expetativas. Estamos acima dos 90% de adesão. Os serviços mínimos estão a ser cumpridos no Hospital Nacional Simão Mendes e na Câmara Municipal de Bissau”, disse, aos jornalistas, David Mingo, presidente da comissão de greve da Confederação dos Trabalhadores dos Sindicatos Independentes.

A União Nacional dos Trabalhadores da Guiné-Bissau e a Confederação Geral dos Sindicatos Independentes, duas centrais sindicais guineenses, anunciaram a 01 de maio a realização de greves semanais, entre terça-feira e quinta-feira, até o Governo cumprir com um caderno reivindicativo de 37 pontos entre no início de janeiro.

Na semana passada, a função pública guineense também esteve parada entre terça-feira e quinta-feira.

No caderno reivindicativo entregue ao Governo constam dois pontos que são inegociáveis, nomeadamente o aumento do salário mínimo nacional e a subida da pensão de sobrevivência dos funcionários reformados da Função Pública.

As centrais sindicais reivindicam o aumento do salário mínimo para 150 euros.

Em agosto, o Governo aumentou o salário mínimo de 46 para 75 euros mensais, mas as centrais sindicais reivindicam um novo aumento, tendo em conta o aumento dos impostos e do custo de vida.

Questionado pelos jornalistas se as centrais sindicais já foram chamadas pelo Governo para negociações, David Mingo esclareceu que ainda não foram contactadas.

- Publicidade -
- Publicidade -

Covid-19: TAP regressa hoje a Luanda

A Transportadora Aérea de Portugal (TAP) retoma, a partir de hoje (dia 21) os voos comerciais entre Lisboa e Luanda, num dia em que...
- Publicidade -

Ana Gomes diz que se candidata às presidenciais para limpar o país

A militante do PS foi a primeira convidada de Ricardo Araújo Pereira na segunda vaga de "Isto é Gozar Com Quem Trabalha". Ana Gomes disse...

Bomba da Segunda Guerra Mundial mata dois especialistas em desminagem

Dois especialistas em desminagem, um britânico e um australiano, morreram na explosão de uma bomba da Segunda Guerra Mundial que estavam a tentar desarmar...

Covid-19: Reino Unido pode chegar às 200 mortes por dia em Novembro

Esta segunda-feira, numa declaração aos jornalistas, o principal conselheiro científico do governo britânico disse que, a continuar assim, em Outubro, o Reino Unido poderá...

Notícias relacionadas

Covid-19: TAP regressa hoje a Luanda

A Transportadora Aérea de Portugal (TAP) retoma, a partir de hoje (dia 21) os voos comerciais entre Lisboa e Luanda, num dia em que...

Ana Gomes diz que se candidata às presidenciais para limpar o país

A militante do PS foi a primeira convidada de Ricardo Araújo Pereira na segunda vaga de "Isto é Gozar Com Quem Trabalha". Ana Gomes disse...

Bomba da Segunda Guerra Mundial mata dois especialistas em desminagem

Dois especialistas em desminagem, um britânico e um australiano, morreram na explosão de uma bomba da Segunda Guerra Mundial que estavam a tentar desarmar...

Covid-19: Reino Unido pode chegar às 200 mortes por dia em Novembro

Esta segunda-feira, numa declaração aos jornalistas, o principal conselheiro científico do governo britânico disse que, a continuar assim, em Outubro, o Reino Unido poderá...

Pelo menos oito mortos em desabamento de prédio na Índia

Pelo menos oito pessoas morreram na Índia vítimas de um desabamento de um prédio residencial, segundo as autoridades indianas. As equipes de resgate estão tentando...
- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.