- Publicidade-
Smooth Jazz Rádio Calema
Inicio Mundo África Camarões: Principal partido da oposição apela a cessar fogo no país

Camarões: Principal partido da oposição apela a cessar fogo no país

DW África

Num encontro com o primeiro-ministro camaronês, esta sexta-feira (10.05), o líder da Frente Social Democrática pediu também a libertação imediata de todos os presos políticos.

O líder da Frente Social Democrática (SDF, na sigla em inglês), Ni John Fru Ndi, e o primeiro-ministro Joseph Dion Ngute reuniram-se em Bamenda para debater soluções para os confrontos entre o exército e os separatistas anglófonos que fizeram já centenas de vítimas mortais. Neste encontro, Ni John Fru Ndi pediu também a nomeação de um mediador para resolver o conflito.

“Todos devem ser ouvidos. A Frente Social Democrática é por um debate político inclusivo sobre a crise”, afirmou Jean Robert Wafo, membro do partido, acrescentando que uma “clara e inequívoca” posição contra a divisão do país tem de ser tomada.

Numa declaração a que as agências de noticias tiveram acesso, a oposição pede “um cessar-fogo imediato” e a desmobilização de todas as forças separatistas, “a libertação imediata de todos os presos políticos detidos como parte desta crise” e a nomeação de um mediador para preparar as negociações.

Independência não é negociável

Na quinta-feira (09.05), aquando da sua chegada a Bamenda, Dion Ngute afirmou que o Governo estava pronto para o diálogo com o intuito de resolver o conflito com os separatistas, mas enfatizou, no entanto, que a independência não está em cima da mesa. O primeiro-ministro disse também que o Presidente Paul Biya está aberto à “organização de um diálogo formal para resolver a crise sócio-política”.

Actualmente, não existem canais de diálogo entre o Governo e os rebeldes.

Os confrontos entre as tropas governamentais e os separatistas anglófonos, que reivindicam a independência nas regiões Sudoeste e Noroeste dos Camarões, mataram já, desde 2017, centenas de pessoas e levaram mais de 500 mil a abandonar as suas casas.

A Human Rights Watch (HRW) denunciou, recentemente, que as autoridades camaronesas têm torturado e mantido presos e incomunicáveis vários separatistas.

O Conselho de Segurança da ONU realizará a sua primeira reunião este mês para discutir o conflito separatista do país.

- Publicidade -
- Publicidade -

COVID-19: Casos da doença em Moçambique ascendem a 409 com mais 55 nas últimas 24 horas

O ministro da Saúde de Moçambique anunciou mais 55 casos do novo coronavírus, aumentando o total de acumulados para 409, dos quais 14 são...
- Publicidade -

Três gerentes da DirecTV, alvo de ordem de captura, se entregam na Venezuela

Três directores da plataforma por satélite DirecTV na Venezuela se entregaram nesta sexta-feira (5) às autoridades, que ordenaram sua captura após o encerramento das...

Covid-19: Sobe para 88 casos positivos e 24 recuperados em Angola

Angola registou, nas últimas 24 horas, mais dois casos positivos e três recuperados da covid-19, informou hoje, sábado, o secretário de Estado para a...

Portugal: Angolanos contam com posto fixo para emissão do BI

Os angolanos residentes em Lisboa, que pretendam tratar o Bilhete de Identidade e o Registo Criminal, vão contar, a partir de segunda-feira (08) ,...

Notícias relacionadas

COVID-19: Casos da doença em Moçambique ascendem a 409 com mais 55 nas últimas 24 horas

O ministro da Saúde de Moçambique anunciou mais 55 casos do novo coronavírus, aumentando o total de acumulados para 409, dos quais 14 são...

Três gerentes da DirecTV, alvo de ordem de captura, se entregam na Venezuela

Três directores da plataforma por satélite DirecTV na Venezuela se entregaram nesta sexta-feira (5) às autoridades, que ordenaram sua captura após o encerramento das...

Covid-19: Sobe para 88 casos positivos e 24 recuperados em Angola

Angola registou, nas últimas 24 horas, mais dois casos positivos e três recuperados da covid-19, informou hoje, sábado, o secretário de Estado para a...

Portugal: Angolanos contam com posto fixo para emissão do BI

Os angolanos residentes em Lisboa, que pretendam tratar o Bilhete de Identidade e o Registo Criminal, vão contar, a partir de segunda-feira (08) ,...

Milhares vão às ruas do Reino Unido contra o racismo e a violência policial

Neste sábado (6), protestos no Reino Unido contra o racismo e a violência policial ecoaram as manifestações que ocorrem nos Estados Unidos em decorrência...
- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.