- Publicidade-
Smooth Jazz Rádio Calema
Inicio Destaques Executivo anseia por uma Luanda mais competitiva

Executivo anseia por uma Luanda mais competitiva

O sonho por uma Luanda, a capital do país, mais competitiva, semelhante às grandes cidades do continente africano, cujo nível de infra-estruturas seja cada vez mais atraente, capaz de incentivar o investimento privado nacional e estrangeiro, constitui um dos desafios do Executivo, revelou, hoje, o ministro da Construção e Obras Públicas.

De acordo com o JA, Manuel Tavares de Almeida, que falava durante a inauguração do viaduto de ligação Camama/Avenida Pedro de Castro Van-Dúnem “Loy”, pelo Presidente da República, informou que estão a ser criadas as condições para que o objectivo seja concretizado o mais breve possível.

Adiantou que, a estratégia para elevar a capital do país deve ser suportada pelo Programa Especial de Obras Públicas para a Cidade de Luanda (PEOPL), que prevê a construção de 40 viadutos, dos quais oito já se encontram construídos e quatro em construção, designadamente nó do novo Aeroporto de Luanda, da UGP, Elevado do Cazenga e o da Corimba.

- Publicidade -
- Publicidade -

Nigéria: Produtores de dendém elogiam Buhari por capacitar os pequenos agricultores

A Associação de Produtores de óleo de palma da Nigéria (OPGAN) elogiou o Presidente Muhammadu Buhari e o Banco Central da Nigéria (CBN) por...
- Publicidade -

Angola: Onde estão os sindicatos no novo conselho de João Lourenço?

Convidado a integrar o novo Conselho Económico e Social de João Lourenço, o economista Carlos Rosado de Carvalho diz-se "surpreendido" com o número de...

Bancos africanos são vítimas do ‘rating’ dos países em que operam, diz Moddy’s

Em causa os efeitos e dificuldades resultantes da pandemia de covid-19. A agência de notação financeira Moody's alertou que a análise sobre a qualidade de...

Angola: “Liberdade, Justiça, Emprego, Educação”, pedem manifestantes

Centenas de angolanos saíram à rua para mostrar a sua insatisfação com o Governo e exigir mais empregos. Foi a segunda manifestação em Luanda...

Notícias relacionadas

Nigéria: Produtores de dendém elogiam Buhari por capacitar os pequenos agricultores

A Associação de Produtores de óleo de palma da Nigéria (OPGAN) elogiou o Presidente Muhammadu Buhari e o Banco Central da Nigéria (CBN) por...

Angola: Onde estão os sindicatos no novo conselho de João Lourenço?

Convidado a integrar o novo Conselho Económico e Social de João Lourenço, o economista Carlos Rosado de Carvalho diz-se "surpreendido" com o número de...

Bancos africanos são vítimas do ‘rating’ dos países em que operam, diz Moddy’s

Em causa os efeitos e dificuldades resultantes da pandemia de covid-19. A agência de notação financeira Moody's alertou que a análise sobre a qualidade de...

Angola: “Liberdade, Justiça, Emprego, Educação”, pedem manifestantes

Centenas de angolanos saíram à rua para mostrar a sua insatisfação com o Governo e exigir mais empregos. Foi a segunda manifestação em Luanda...

Cardeal italiano demitido de Vaticano por suspeitas de desvio de fundos

O italiano Angelo Becciu, tido a data como um dos cardeais mais influentes do Vaticno, foi obrigado a renunciar ao seu cargo, devido à...
- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.