- Publicidade-
Smooth Jazz Rádio Calema
Inicio Política CASA-CE CASA-CE revitaliza estruturas da Coligação

CASA-CE revitaliza estruturas da Coligação

A Convergência Ampla de Salvação de Angola-Coligação Eleitoral (CASA-CE), na província do Zaire, está a trabalhar na revitalização das suas estruturas de base e intermédias, tendo em vista as primeiras eleições autárquicas no país, previstas para 2020, escreve a Angop.

A afirmação é do seu secretário provincial, Pedro Mavambu, que iniciou, sexta-feira, uma visita de avaliação das estruturas da sua formação política no município do Soyo.

Em declarações à imprensa, o político admitiu que o Soyo é a maior praça eleitoral a nível do Zaire, daí requerer uma maior atenção na mobilização dos seus militantes para interagirem com o eleitorado local, visando os desafios autárquicos.

Acrescentou que a coligação de partidos políticos continua forte e preparada para a disputa política, com a intenção de vencer e administrar parte dos seis municípios da província do Zaire, incluindo o Soyo.

Sobre o quadro social e económico da província, Pedro Mavambu entende que a região precisa de melhorias, sobretudo no domínio do fornecimento da energia eléctrica e do abastecimento de água potável às populações, assim como nos sectores da saúde, educação e na reabilitação das vias rodoviárias.

“Nós, como fiscais do governo, temos acompanhado o seu desempenho, na expectativa de vermos resolvidos os problemas das populações”, assumiu.

Nas Eleições Gerais de Setembro de 2017, a CASA-CE conquistou 23 mil e 463 votos válidos, que a coloca como terceira força política no parlamento angolano, onde detém 16 deputados, contra os oito da anterior legislatura.

O MPLA, partido no poder em Angola, obteve 67 mil e 19 votos válidos, secundado pela UNITA, que angariou 34 mil e 943 votos.

- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -

Notícias relacionadas

- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.