- Publicidade-
Smooth Jazz Rádio Calema
Inicio Destaques Assalto com reféns no Cassenda termina com fuga dos meliantes

Assalto com reféns no Cassenda termina com fuga dos meliantes

Os três assaltantes que na tarde de ontem, terça-feira, entraram numa residência da Rua 12 do Cassenda, Maianga, Luanda, fazendo uma família de cidadãos libaneses refém, conseguiram fugir, apesar do cerco policial, levando consigo 100 milhões de kwanzas, descreveu ao NJOnline fonte do Serviço de Investigação Criminal (SIC).

Fernando Carvalho, porta-voz do SIC-Luanda, disse ainda que os agentes da Polícia Nacional (PN) e do SIC que chegaram ao local pouco depois do assalto ter sido denunciado pelos vizinhos mas os três assaltantes conseguiram encontrar uma brecha no cerco policial e, por volta das 21:30, conseguiram deixar o bairro.

O assalto foi iniciado, como o NJOnline deu em última hora na tarde de ontem, terça-feira, às 16:00 e a PN chegou à Rua 12 do Cassenda pelas 16:30, montando de imediato um aparato policial, impedindo a fuga dos assaltantes, tendo, depois, chegado os elementos do SIC, que assumiram as negociações com os assaltantes que, recorde-se, estavam armados e mantinham uma família refém.

Com estes dados, o SIC admite que os assaltantes tivessem informações privilegiadas sobre a existência do elevado montante no interior da residência, sublinhando ainda a probabilidade de estes não terem contado com a presença, naquele, da família em casa.

Durante o processo negocial encetado pelo SIC, a prioridade foi garantir que nenhum elemento da família fosse ferido pelos assaltantes armados.

Foi precisamente durante esse diálogo que os três indivíduos conseguiram escapar e estão, neste momento, em parte incerta mas a serem procurados pelas autoridades.

O objectivo principal do SIC, que era evitar vítimas, foi conseguido, embora os assaltantes também tenham levado a sua avante, ao escaparem com 100 milhões de kwanzas.

A investigação decorre ainda pela vertente do eventual informador dos assaltantes sobre o dinheiro que se encontrava na residência.

- Publicidade -
- Publicidade -

Angola: Onde estão os sindicatos no novo conselho de João Lourenço?

Convidado a integrar o novo Conselho Económico e Social de João Lourenço, o economista Carlos Rosado de Carvalho diz-se "surpreendido" com o número de...
- Publicidade -

Bancos africanos são vítimas do ‘rating’ dos países em que operam, diz Moddy’s

Em causa os efeitos e dificuldades resultantes da pandemia de covid-19. A agência de notação financeira Moody's alertou que a análise sobre a qualidade de...

Angola: “Liberdade, Justiça, Emprego, Educação”, pedem manifestantes

Centenas de angolanos saíram à rua para mostrar a sua insatisfação com o Governo e exigir mais empregos. Foi a segunda manifestação em Luanda...

Cardeal italiano demitido de Vaticano por suspeitas de desvio de fundos

O italiano Angelo Becciu, tido a data como um dos cardeais mais influentes do Vaticno, foi obrigado a renunciar ao seu cargo, devido à...

Notícias relacionadas

Angola: Onde estão os sindicatos no novo conselho de João Lourenço?

Convidado a integrar o novo Conselho Económico e Social de João Lourenço, o economista Carlos Rosado de Carvalho diz-se "surpreendido" com o número de...

Bancos africanos são vítimas do ‘rating’ dos países em que operam, diz Moddy’s

Em causa os efeitos e dificuldades resultantes da pandemia de covid-19. A agência de notação financeira Moody's alertou que a análise sobre a qualidade de...

Angola: “Liberdade, Justiça, Emprego, Educação”, pedem manifestantes

Centenas de angolanos saíram à rua para mostrar a sua insatisfação com o Governo e exigir mais empregos. Foi a segunda manifestação em Luanda...

Cardeal italiano demitido de Vaticano por suspeitas de desvio de fundos

O italiano Angelo Becciu, tido a data como um dos cardeais mais influentes do Vaticno, foi obrigado a renunciar ao seu cargo, devido à...

Mali: Presidente e vice-presidente de transição já tomaram posse

Esta sexta-feira, no Mali, vão tomar posse o novo presidente de transição, o general na reserva Bah N’Daw, e o novo-vice-presidente, o coronel Assimi...
- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.