- Publicidade-
Smooth Jazz Rádio Calema
Inicio Destaques Presidência justifica crise dos combustíveis com má comunicação da Sonangol

Presidência justifica crise dos combustíveis com má comunicação da Sonangol

O Presidente da República voltou a reunir-se hoje, no Palácio Presidencial, com responsáveis ligados ao universo dos combustíveis com a finalidade de dar uma resposta rápida para a grave crise que o país atravessa no fornecimento de gasóleo e gasolina, escreve o Novo Jornal Online.

Segundo um comunicado da Casa Civil do Presidente, “da análise feita, concluiu-se ter havido falta de diálogo e comunicação entre a Sonangol e as diferentes instituições do Estado, o que terá contribuído negativamente no processo de importação de combustíveis”.

No comunicado é garantido que “foram tomadas as medidas e mobilizados todos os recursos necessários para a completa estabilização do mercado de abastecimento dos combustíveis nos próximos dias”.

Por último, pode ler-se o apelo “à compreensão dos utentes e da população em geral”.

O combustível continua a faltar em centenas de postos de abastecimento por todo o país mas com acentuada gravidade na cidade de Luanda, onde os automobilistas fazem filas para atestar o depósito há mais de 48 horas.

A situação é tão grave que milhares dos automobilistas afectados estão, principalmente em Luanda, há mais de 48 horas parados nas bombas de gasolina ou a circular, como podem, entre postos de abastecimento em busca de uma gotas que lhes permita ir a casa ou chegar ao trabalho.

Por causa deste problema, é possível observar, nas principais vias de acesso entre a periferia da capital angolana e o centro da cidade, milhares de pessoas a pé e os escassos táxis (candongueiros) que ainda conseguem obter combustível, estão permanentemente lotados e os motoristas passaram à fase de “rotas curtas”, que é como quem diz, pagar o mesmo por menores distâncias percorridas.

- Publicidade -
- Publicidade -

Jovem malaia luta pelo direito de não usar véu islâmico

A decisão de deixar de usar o véu islâmico e denunciá-lo como uma obrigação patriarcal valeu a Maryam Lee muitas críticas e uma investigação...
- Publicidade -

Mãe queima mão do filho por furto de telemóvel

Uma cidadã de 27 anos de idade queimou a mão direita do seu filho de 12 anos num fogareiro, no Lubango, província da Huíla,...

EUA: Substituição da juíza Ruth Bader Ginsburg opõe democratas e republicanos

A substituição de Ruth Bader Ginsburg, juíza do Supremo Tribunal Federal de Justiça e ícone progressista a favor dos direitos das mulheres, das minorias...

Pandemia transtorna Angola há seis meses

Completam-se hoje, 21 de Setembro, seis meses desde que foram anunciados, pela voz da ministra da Saúde, Sílvia Lutucuta, os dois primeiros casos positivos...

Notícias relacionadas

Jovem malaia luta pelo direito de não usar véu islâmico

A decisão de deixar de usar o véu islâmico e denunciá-lo como uma obrigação patriarcal valeu a Maryam Lee muitas críticas e uma investigação...

Mãe queima mão do filho por furto de telemóvel

Uma cidadã de 27 anos de idade queimou a mão direita do seu filho de 12 anos num fogareiro, no Lubango, província da Huíla,...

EUA: Substituição da juíza Ruth Bader Ginsburg opõe democratas e republicanos

A substituição de Ruth Bader Ginsburg, juíza do Supremo Tribunal Federal de Justiça e ícone progressista a favor dos direitos das mulheres, das minorias...

Pandemia transtorna Angola há seis meses

Completam-se hoje, 21 de Setembro, seis meses desde que foram anunciados, pela voz da ministra da Saúde, Sílvia Lutucuta, os dois primeiros casos positivos...

Mulher infectada com Covid contagiou 15 pessoas em voo

Uma mulher, infectada com Covid-19, teria propagado o vírus a outros 15 passageiros de um voo internacional entre Londres e o Vietname, de acordo...
- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.