- Publicidade-
Smooth Jazz Rádio Calema
Inicio Mundo Lusófono Guiné-Bissau PM guineense e Banco Mundial assinam acordo para desenvolver setor do caju

PM guineense e Banco Mundial assinam acordo para desenvolver setor do caju

DN|Lusa

“Para o Governo é fundamental tudo o que esteja ligado ao desenvolvimento da fileira de caju, que é um produto com um papel fundamental não só nas exportações da Guiné-Bissau, mas da economia da Guiné-Bissau de uma maneira em geral”, afirmou Aristides Gomes, na cerimónia de assinatura do acordo, que decorreu no Ministério das Finanças.

O primeiro-ministro guineense salientou também que é necessário reforçar a cooperação com o Banco Mundial para “criar um ambiente mais favorável ao investimento” na Guiné-Bissau para que as riquezas do país possam ser valorizadas.

O Projeto de Desenvolvimento do Setor do Caju teve início em 2016, mas foi prolongado até ao final de 2019, e tem como principias objetivos melhorar a capacidade dos intervenientes dos setores com base no cumprimento das normas ambientais, sociais e comerciais e melhorar o ambiente de negócios para investimento na produção e processamento de caju.

Com o projeto, que conta com o apoio financeiro do Japão e do Canadá e é gerido pela Corporação Financeira Internacional do Banco Mundial, o Governo guineense pretende sensibilizar 3.000 agricultores sobre as normas ambientais, sociais e comerciais, criar um padrão de sustentabilidade do caju e passar a ter um processador local daquele fruto com certificação reconhecida de qualidade.

O objetivo é que 5% do caju exportado já seja processado com a denominação de origem da Guiné-Bissau.

A castanha de caju é o principal produto de exportações da Guiné-Bissau e motor da economia do país.

Em 2018, segundo o Fundo Monetário Internacional (FMI), a economia guineense esteve sob pressão, tendo o Produto Interno Bruto (PIB) real caído para 3,8%, depois de entre 2015 e 2017 ter rondado os 6%.

A queda do PIB deveu-se essencialmente a uma menor produção e preços do caju, que tem suportado nos últimos anos o crescimento económico.

O ano passado, a Guiné-Bissau exportou 147.000 toneladas de castanha de caju.

- Publicidade -
- Publicidade -

Após ser intimado a depor, Boulos diz que sonho de Bolsonaro é ‘transformar PF numa Gestapo’

Guilherme Boulos (PSOL), ao criticar intimação de Polícia Federal para que explique postagens críticas ao presidente, disse que o "sonho" de Bolsonaro é "transformar...
- Publicidade -

Renamo acusa Frelimo de perseguir seus membros e impedir acções políticas no centro de Moçambique

O presidente da Renamo acusa a Frelimo partido no poder de perseguir os seus membros e impedir a realização da actividade política nas províncias...

PCD, partido de convergência democrática em S. Tomé e Príncipe tem novo líder, Danilson Cotu

Danilson Cotu, foi eleito este domingo Presidente do PCD, partido de convergência democrática em S. Tomé e Príncipe. A sua eleição...

MP denuncia Flávio Bolsonaro por corrupção e diz que senador usou R$ 2,7 milhões de ‘rachadinha’

Nesta segunda-feira (28), o Ministério Público do Rio de Janeiro denunciou o senador Flávio Bolsonaro e seu ex-funcionário, Fabrício Queiroz, por diversos crimes, acusando...

Notícias relacionadas

Após ser intimado a depor, Boulos diz que sonho de Bolsonaro é ‘transformar PF numa Gestapo’

Guilherme Boulos (PSOL), ao criticar intimação de Polícia Federal para que explique postagens críticas ao presidente, disse que o "sonho" de Bolsonaro é "transformar...

Renamo acusa Frelimo de perseguir seus membros e impedir acções políticas no centro de Moçambique

O presidente da Renamo acusa a Frelimo partido no poder de perseguir os seus membros e impedir a realização da actividade política nas províncias...

PCD, partido de convergência democrática em S. Tomé e Príncipe tem novo líder, Danilson Cotu

Danilson Cotu, foi eleito este domingo Presidente do PCD, partido de convergência democrática em S. Tomé e Príncipe. A sua eleição...

MP denuncia Flávio Bolsonaro por corrupção e diz que senador usou R$ 2,7 milhões de ‘rachadinha’

Nesta segunda-feira (28), o Ministério Público do Rio de Janeiro denunciou o senador Flávio Bolsonaro e seu ex-funcionário, Fabrício Queiroz, por diversos crimes, acusando...

Catalunha: Quim Torra promete recorrer aos tribunais europeus

Após ter sido notificado da sentença do Supremo Tribunal, ao princípio da tarde, Quim Torra deu uma conferência de imprensa onde descreve a sua...
- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.