- Publicidade-
Smooth Jazz Rádio Calema
Inicio Governos Provinciais Governo Provincial do Cunene Morte de animais sobe para mais de 26 mil no Cunene

Morte de animais sobe para mais de 26 mil no Cunene

De acordo com a Angop, o número de animais que morreram devido a seca no Cunene, entre gado bovino, caprino e suíno, aumentou para 26 mil e 267 na última semana, contra os 19 mil e 539 animais, em consequência da seca que afecta a região desde Outubro de 2018.

A informação foi avançada pelo governador local, Vigílio Tyova, na apresentação do ponto de situação sobre a seca e a fome na província, ao Presidente da República, João Lourenço, que se encontra em visita de trabalho de dois dias ao Cunene.

Explicou que o gado nesta região do país é a principal riqueza do povo, especialmente os que residem no meio rural, sendo que nesta altura estão afectados cerca de um milhão e 100 mil bovinos a nível dos municípios do Cuanhama, Cahama, Namacunde, Curoca, Cuvelai e Ombadja.

O governante informou que tem se feito um grande esforço para salvar o gado mais fragilizado que circula pelas rotas de transumância, com a distribuição de 120 toneladas de feno, sal comum e sais minerais, vindo do Ministério da Agricultura e Florestas.

A par da morte de animais, a seca comprometeu a presente campanha agrícola na província, que previa colher 180 mil toneladas de cereais diversos e por não existir produção nos campos estão afectados directamente 175 mil famílias que totalizam 880 mil pessoas, referiu.

No âmbito do plano emergência contra a fome, informou que o governo local recebeu 412 toneladas de bens alimentares de primeira necessidade, mas ainda precisa pelo menos 400 mil toneladas de massango, milho, massambala e peixe seco, para apoiar a população num período de um ano.

Agradeceu a sensibilidade do Chefe de Estado angolano, por disponibilizar 200 milhões de dólares americanos para financiar as acções estruturantes de combate a seca, com a construção de três importantes barragens hídricas com respectivos canais, condutas e abertura de 89 chimpacas, sendo uma resolução definitiva da problemática da falta de água.

Adriano Tyova disse que esta visita do Presidente da República, João Lourenço, constitui um significado especial para o Cunene, visto que permitirá se inteirar de perto do impacto da seca e condições social e económica da província que precisam de serem melhoradas em todos os domínios para o bem-estar da população.

Com uma extensão territorial de 75 mil 955, 61 metros quadrados, Cunene localiza-se a sul de Angola e comporta seis municípios, vinte comunas, 51 bairros urbanos e 765 aldeias rurais. A mesma conta com um milhão, 157 mil e 491 habitantes.

A informação foi avançada pelo governador local, Vigílio Tyova, na apresentação do ponto de situação sobre a seca e a fome na província, ao Presidente da Republica, João Lourenço, que se encontra em visita de trabalho de dois dias no Cunene.

Explicou que o gado nesta região do país é a principal riqueza do povo, especialmente os que residem no meio rural, sendo que nesta altura estão afectados cerca de um milhão e 100 mil bovinos a nível dos municípios do Cuanhama, Cahama, Namacunde, Curoca, Cuvelai e Ombadja.

O governante informou que tem se feito um grande esforço para salvar o gado mais fragilizado que circulam nas rotas de transumância, com a distribuição dos 120 toneladas de feno, sal comum e sais minerais, vindo do Ministério da Agricultura e Floresta.

Além da morte de animais, a seca comprometeu a presente campanha agrícola na província, que previa colher 180 mil toneladas de cereais diversos, e por não existir produção nos campos estão afectados directamente 175 mil famílias que totalizam 880 mil pessoas, referiu.

No âmbito do plano emergência contra a fome, informou que o governo local, recebeu 412 toneladas de bens alimentares de primeira necessidade, mas ainda precisa pelo menos 400 mil toneladas de massango, milho, massambala e peixe seco, para apoiar a população num período de um ano.

Agradeceu a sensibilidade do Chefe de Estado angolano, por disponibilizar 200 milhões de dólares norte-americanos para financiar as acções estruturantes de combate a seca com a construção de três importantes barragens hídricas com respectivos, canais, condutas e abertura de 89 chimpacas, sendo uma resolução definitiva da problemática da falta de água.

Adriano Tyova disse que esta visita do Presidente da República, João Lourenço constitui um significado especial para o Cunene, visto que permitirá se inteirar de perto o impacto da seca e condições social e económica da província que precisam de serem melhoradas em todos os domínios para o bem-estar da população.

Com uma extensão territorial de 75 mil 955, 61 metros quadrados, Cunene localiza-se a sul de Angola, e comporta seis municípios, vinte comunas, 51 bairros urbanos e 765 aldeias rurais. A mesma conta com um milhão, 157 mil e 491 habitantes.

- Publicidade -
- Publicidade -

Caso 900 milhões: Irene Neto, filha de Agostinho Neto, com contas congeladas e bens apreendidos em Angola

A Procuradoria-Geral da República (PGR) confirmou hoje ao Novo Jornal que as contas de Irene Neto, filha do primeiro Presidente de Angola, Agostinho Neto,...
- Publicidade -

Sector da Cultura incentiva gosto pela literatura

O Gabinete Provincial da Cultura, Turismo, Juventude e Desportos de Luanda e a organização Clin Carlos procederam nesta quinta-feira ao lançamento de um torneio...

Cabo Verde: Apenas duas mulheres lideram listas nas “autárquicas” de Outubro

Em Cabo Verde, nas oitavas eleições autárquicas, de 25 de outubro, estão apenas garantidas duas listas encabeçadas por mulheres à Câmara Municipal. Na Praia capital,...

Turismo é sustentado por nacionais em cerca de 70 por cento

O turismo internacional em Angola tem sofrido uma retracção, quer em termos de solicitações, quer de receitas, segundo a revista do Programa de Apoio...

Notícias relacionadas

Caso 900 milhões: Irene Neto, filha de Agostinho Neto, com contas congeladas e bens apreendidos em Angola

A Procuradoria-Geral da República (PGR) confirmou hoje ao Novo Jornal que as contas de Irene Neto, filha do primeiro Presidente de Angola, Agostinho Neto,...

Sector da Cultura incentiva gosto pela literatura

O Gabinete Provincial da Cultura, Turismo, Juventude e Desportos de Luanda e a organização Clin Carlos procederam nesta quinta-feira ao lançamento de um torneio...

Cabo Verde: Apenas duas mulheres lideram listas nas “autárquicas” de Outubro

Em Cabo Verde, nas oitavas eleições autárquicas, de 25 de outubro, estão apenas garantidas duas listas encabeçadas por mulheres à Câmara Municipal. Na Praia capital,...

Turismo é sustentado por nacionais em cerca de 70 por cento

O turismo internacional em Angola tem sofrido uma retracção, quer em termos de solicitações, quer de receitas, segundo a revista do Programa de Apoio...

Antártida é o único continente sem registo de qualquer caso

A Antártida é actualmente o único continente sem qualquer caso positivo do novo coronavírus, onde a população convive sem máscaras e assiste ao desenrolar...
- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.