- Publicidade-
Smooth Jazz Rádio Calema
Inicio Mundo América do Sul Grupo de Contacto sobre Venezuela se reunirá na próxima semana

Grupo de Contacto sobre Venezuela se reunirá na próxima semana

Os chanceleres do Grupo Internacional de Contactos da Venezuela, formado por 13 países, se reunirão na segunda e terça-feira na Costa Rica, em meio a tensões pela fracassada revolta militar liderada pelo líder da oposição Juan Guaidó, anunciou nesta quinta-feira o governo anfitrião.

“Para o governo da Costa Rica, a reunião em San José representa um reconhecimento de sua liderança e dos esforços diplomáticos feitos na busca de uma solução política para a crise na Venezuela”, disse o ministro das Relações Exteriores, Manuel Ventura, citado pela AFP.

O grupo de contacto é formado por Alemanha, França, Itália, Holanda, Portugal, Espanha, Suécia e Reino Unido, além de Bolívia, Equador, Uruguai e Costa Rica.

O fórum internacional foi lançado em 7 de Fevereiro no Uruguai com o objectivo de ajudar a enfrentar a crise humanitária na Venezuela.

O grupo, que terá sua terceira reunião ministerial na Costa Rica, é definido como “o único mecanismo que tem acesso a todas as partes relevantes na Venezuela”.

Outro fórum internacional sobre a Venezuela, o Grupo Lima, é formado por países latino-americanos que reconhecem Guaidó como presidente interino e pedem a saída do governante Nicolás Maduro.

- Publicidade -
- Publicidade -

Fernando João: “Perpetuar legado de Neto é responsabilidade colectiva”

Perpetuar o legado de Neto é uma responsabilidade colectiva que deve engajar todos os angolanos, sem excepção, afirmou o secretário de Estado da Juventude,...
- Publicidade -

Activistas detidos em Malanje em greve de fome contra a brutalidade policial

Os 10 activistas detidos na quinta-feira, 17, dia do Herói Nacional, em Calandula, na província angola de Malanje, estão em greve de fome há...

Cabo Verde: “Juízes imunes a toda essa pressão” no caso Alex Saab

O Conselho Superior de Magistratura Judicial garante que os juízes do Supremo Tribunal de Justiça que vão decidir sobre a extradição de Alex...

“A população tem mais medo da polícia do que da Covid-19”, diz activista angolano

A falta de preparação técnica para lidar com o público e actuar com profissionalismo em momentos de tensão é uma das razões apontadas como...

Notícias relacionadas

Fernando João: “Perpetuar legado de Neto é responsabilidade colectiva”

Perpetuar o legado de Neto é uma responsabilidade colectiva que deve engajar todos os angolanos, sem excepção, afirmou o secretário de Estado da Juventude,...

Activistas detidos em Malanje em greve de fome contra a brutalidade policial

Os 10 activistas detidos na quinta-feira, 17, dia do Herói Nacional, em Calandula, na província angola de Malanje, estão em greve de fome há...

Cabo Verde: “Juízes imunes a toda essa pressão” no caso Alex Saab

O Conselho Superior de Magistratura Judicial garante que os juízes do Supremo Tribunal de Justiça que vão decidir sobre a extradição de Alex...

“A população tem mais medo da polícia do que da Covid-19”, diz activista angolano

A falta de preparação técnica para lidar com o público e actuar com profissionalismo em momentos de tensão é uma das razões apontadas como...

Eleições no sul da Nigéria com dois rivais e pandemia em pano de fundo

A Nigéria organiza o seu primeiro escrutínio desde o início da pandemia de Covid-19, para eleger o novo governador do Estado de...
- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.