- Publicidade-
Smooth Jazz Rádio Calema
Inicio Mundo Ásia 16 paramilitares mortos em ataque de rebeldes maoístas na Índia

16 paramilitares mortos em ataque de rebeldes maoístas na Índia

Pelo menos dezasseis paramilitares indianos foram mortos hoje num ataque bombista no distrito de Gadchiroli, no estado de Maharashtra, no oeste da Índia, que foi atribuído a rebeldes maoistas, segundo a polícia indiana.

“Os maoistas atacaram uma equipa de comandos que estava a viajar num veículo particular para inspecionar o local de um atentado anterior. Pelo menos 16 homens morreram”, disse um oficial do quartel general da polícia no estado de Maharashtra.

“Outras equipas foram enviadas ao local para as operações de salvamento e de combate”, informou a fonte.

O primeiro-ministro indiano, Narendra Modi, rapidamente condenou o ataque através da rede social Twitter, assegurando que os seus autores “não serão poupados”.

A Índia está a realizar eleições legislativas e regionais em sete fases (entre Abril e maio) e os ataques dos rebeldes maoistas, ativos em vários estados indianos, registam sempre um aumento em período eleitoral no país.

Os comandos realizaram recentemente uma série de ataques na selva do estado de Maharashtra contra os campos dos rebeldes maoistas, uma força de guerrilha ativa há cinquenta anos.

Nos dias 21 e 23 de Abril, 39 maoístas foram mortos na floresta de Gadchiroli.

Durante o fim de semana passado, os rebeldes maoistas mataram dois polícias e feriram um aldeão em Chhattisgarh, segundo a Lusa que cita a Press Trust of India (PTI).

Na sexta-feira passada, pelo menos oito supostos rebeldes maoistas, incluindo seis mulheres, foram mortos durante um ataque das forças de segurança indianas.

Desde 1980, mais de 15.000 pessoas morreram neste conflito concentrado principalmente em áreas florestais de Chhattisgarh, Odisha, Bihar, Jharkhand e Maharashtra.

- Publicidade -
- Publicidade -

Governador apela ao rigor e profissionalismo na saúde

O governador do Namibe, Archer Mangueira, apelou, na sexta-feira, aos quadros da saúde rigor, profissionalismo e um atendimento mais humanizado dos utentes das unidades...
- Publicidade -

Agostinho Neto é marca indelével da política angolana

Agostinho Neto marca indelevelmente a política angolana e é o ponto de partida da evolução desta, tendo proclamado a independência de Angola em 11...

Corrida à presidência do CPA com candidato único

As eleições no Comité Paralímpico Angolano (CPA) para o quadriénio 2020/24 terão apenas um candidato, Leonel da Rocha Pinto, fazendo jus à história desde...

Zaire: Baleia de seis metros encontrada morta no Nzeto

Uma baleia com seis metros de comprimento foi encontrada morta sexta-feira, na baía da comuna da Musserra, município do Nzeto, na província do Zaire. O...

Notícias relacionadas

Governador apela ao rigor e profissionalismo na saúde

O governador do Namibe, Archer Mangueira, apelou, na sexta-feira, aos quadros da saúde rigor, profissionalismo e um atendimento mais humanizado dos utentes das unidades...

Agostinho Neto é marca indelével da política angolana

Agostinho Neto marca indelevelmente a política angolana e é o ponto de partida da evolução desta, tendo proclamado a independência de Angola em 11...

Corrida à presidência do CPA com candidato único

As eleições no Comité Paralímpico Angolano (CPA) para o quadriénio 2020/24 terão apenas um candidato, Leonel da Rocha Pinto, fazendo jus à história desde...

Zaire: Baleia de seis metros encontrada morta no Nzeto

Uma baleia com seis metros de comprimento foi encontrada morta sexta-feira, na baía da comuna da Musserra, município do Nzeto, na província do Zaire. O...

MPLA denuncia campanhas contra Angola

O Bureau Político do MPLA denunciou, neste sábado, as campanhas de intoxicação movidas contra as instituições do Estado angolano e o Presidente da República,...
- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.