Portal de Angola
Informação ao minuto

“Operação Resgate”: Mais de cem cidadãos detidos no Cuanza Sul em cinco meses

JOSÉ ALEXANDRE CANELAS, COMANDANTE PROVINCIAL DA POLÍCIA NACIONAL (FOTO ARQUIVO) (FOTO: JOAQUIM TOMÁS)

A Polícia Nacional (PN) deteve, na província do Cuanza sul, de 06 de Novembro de 2018 a 18 de Abril deste ano, no âmbito da “Operação Resgate”, 160 cidadãos por crimes diversos, informa a Angop.

Os dados foram divulgados ontem, na cidade do Sumbe, pelo comandante provincial da PN, comissário José Alexande Manuel Canelas, quando apresentava o balanço na primeira sessão do Conselho de Auscultação Social as Comunidades.

No mesmo período, foram apreendidos 481 motociclos, seis veículos automóveis, 192 quilogramas de estupefacientes, 275 peças de madeiras e sete amas de fogo e detenção de 160 cidadãos.

Segundo o comissário Alexandre Canelas, foram encerradas 21 igrejas, a suspensão de três outras e o encerramento de 11 farmácias, por falta de condições para funcionamento, e a aplicação de 338 multas, que resultaram na arrecadação de 12 biliões, 435 milhões, 273 mil e 09 kwanzas.

Disse que houve o controlo de abate de mil e 165 animais, dos quais 23 com patologias diversas, bem como a imunização de 1.685 animais contra a raiva.

No âmbito da “Operação Resgate”, os sectores do Comércio na província emitiram 270 cartões de mercado e a renovação de licenças comerciais, que permitiram a arrecadação de 931 mil kwanzas.

As equipas intervenientes na operação, de acordo com o comandante provincial, têm estado a desenvolver campanhas de sensibilização, operação stop, prevenção e segurança rodoviária, elucidando a população a aderir as boas práticas.

As equipas são compostas por efectivos da Polícia Nacional, Serviço de Investigação Criminal (SIC), Serviço de Migração e Estrangeiros (SME), Fiscalização e técnicos da Administração Geral Tributária (AGT), Comércio e Indústria, Transportes, Cultura, Ambiente e Saúde.

Presenciaram o acto, o governador provincial do Cuanza Sul, Job Castelo Capapinha, membros do governo local e da sociedade civil.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está bem com isso, mas você pode optar por sair, se desejar. Aceitar Leia mais

Translate »