Portal de Angola
Informação ao minuto

Meliantes ateiam fogo na escola Rainha da Paz no Cuanza Sul

BOMBEIROS NO COMBATE A UM INCÊNDIO (FOTO: LUCAS NETO)

Indivíduos ainda por identificar queimaram na madrugada de hoje, terça-feira, os arquivos da escola do II ciclo do ensino secundário “Rainha da Paz”, no bairro da Pedra I, periferia da cidade do Sumbe, província do Cuanza Sul.

Os arquivos contêm processos de pelo menos 93 professores e 2.979 alunos que frequentam aulas, este ano lectivo, bem como outros documentos.

Contactado pela Angop, o director da escola, Capitão Augusto, confirmou a danificação dos documentos, mas, segundo disse “não é ainda possível quantificar, pois um trabalho está a ser feito para se apurar”.

O chefe das operações da Brigada Escolar no local, agente de primeira Quintino Armando Morais, afirmou que o caso está a ser já tratado pelo Serviço de Investigação Criminal (SIC), para a identificação dos presumíveis autores.

A escola Rainha da Paz, gerida pela Igreja Católica, foi fundada em 1993 e conta com 12 salas de aula.

Também pode gostar

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está bem com isso, mas você pode optar por sair, se desejar. Aceitar Leia mais

Translate »