Portal de Angola
Informação ao minuto

Zaire: SME intensifica acções contra imigração ilegal

ZAIRE: POSTO FRONTEIRIÇO FLUVIAL DE KIMBUMBA (FOTO: JOÃO F. CUTI)

Segundo a Angop, o Serviço de Migração e Estrangeiros (SME) no município do Soyo, província do Zaire, intensificou as acções contra a imigração ilegal nas zonas consideradas recônditas e que serviam de “esconderijos” a muitos estrangeiros em situação migratória irregular.

“Muitos entram em território nacional fixam-se em aldeias e comunas do município para depois seguirem viagem a outras localidades do país”, afirmou, esta segunda-feira, o responsável do SME no Soyo Lourenço Cabral, durante o repatriamento de 77 ilegais da República Democrática do Congo (RDC).

Segundo Lourenço Cabral, o SME reforçou as suas acções principalmente nas comunas fronteiriças com a RDC, sublinhado que em curso estão micro-operações para desencorajar este fenómeno.

Explicou que dos 77 cidadãos da RDC repatriados, 76 foram por decisão administrativa e um por medida judicial.

Deste número expulsos através da fronteira fluvial de Kimbumba, 33 são do sexo feminino.

A província do Zaire partilha 330 quilómetros de fronteira com a região do Congo Central, RDC.

Também pode gostar

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está bem com isso, mas você pode optar por sair, se desejar. Aceitar Leia mais

Translate »