Portal de Angola
Informação ao minuto

Eleição presidencial da Macedónia do Norte vai ter segunda volta

(DR)

Na Macedónia do Norte a eleição presidencial deste domingo ditou a passagem à segunda volta do candidato social democrata Stevo Pendarovski, e da candidata da direita, Gordana Siljanovska-Davkova.

De acordo com a Euronews, Pendarovski está confiante e afirma: “A segunda volta será mais fácil. Porquê? Porque a diferença entre mim e Gordana Siljanovska é enorme. Acredito que isso contribuirá para o reforço do conceito de” avançar juntos “, porque sabemos que regredir não é uma opção, voltar a trás significa bloqueio e crise. ”

“A economia e o emprego serão a prioridade, como sempre, na segunda volta, para uma vida melhor. Mas, não pode haver economia na Macedónia sem um Estado de Direito”, afirma, por seu turno, Gordana Siljanovska-Davkova.

A taxa de participação nesta primeira volta foi historicamente baixa: 41,9%. A campanha foi dominada pelas profundas divisões nacionais sobre a mudança do nome do país para a República da Macedónia do Norte.

Pró-ocidental, Pendarovski é um firme defensor do Acordo com a Grécia; a sua rival considera o acordo “degradante”.

Os 1,8 milhões de eleitores da Macedónia do Norte voltam a ser chamados às urnas a 5 de maio. Veremos se terão motivação suficiente para uma taxa de participação acima dos 40%, o mínimo constitucional para validar o escrutínio.

Também pode gostar

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está bem com isso, mas você pode optar por sair, se desejar. Aceitar Leia mais

Translate »