Portal de Angola
Informação ao minuto

Comissão prepara visita do Chefe de Estado a Cuba

MINISTRO DE ESTADO E CHEFE DA CASA CIVIL DO PRESIDENTE DA REPÚBLICA, FREDERICO CARDOSO (AO CENTRO) (FOTO: JOAQUINA BENTO)

O Vice-Presidente do Conselho de Ministros de Cuba, Ricardo Cabrisas Ruiz, considerou ontem que os temas abordados na 14ª sessão, que decorre em Luanda, podem constituir o ponto de partida da visita do Presidente João Loureno a Cuba, nos próximos tempos, informa o Jornal de Angola.

As conversações oficiais foram encabeçadas, do lado angolano, pelo ministro de Estado e Chefe da Casa Civil do Presidente da República, Frederico Cardoso, na sede do Ministério das Relações Exteriores.

Para o dirigente cubano, Angola e Cuba devem intensificar a preparação dos documentos a serem rubricados durante a referida visita. Sugeriu, com efeito, a ida, com bastante antecedência, de um grupo de técnicos angolanos a Havana, para assegurar o êxito da visita do Presidente angolano ao arquipélago.

O Presidente João Lourenço anunciou, em conferência de imprensa, em Moscovo, que efectua uma visita de Estado a Cuba em Junho deste ano.

O Vice-Presidente do Conselho de Ministros de Cuba considerou “excelentes” as relações políticas bilaterais, salientando que os dois países devem trabalhar de forma sistemática para permitir a presença de empresas angolanas em Cuba, nos sectores de interesse comum.

Manifestou o interesse do Governo cubano continuar a cooperar com Angola nos sectores da Educação, Saúde (indústria farmacêutica), Construção, Ensino Superior e Recursos Humanos, bem como aprofundar as relações comerciais e financeiras.

Actualmente prestam serviços em Angola mais de dois mil colaboradores cubanos em vários sectores. Anunciou, também, que milhares de estudantes angolanos graduaram-se em Cuba em diferentes níveis e esferas do saber.

Ricardo Cabrisas Ruiz defendeu mais trabalho para ampliar as relações de cooperação entre as empresas e as Câmaras de Comércio dos dois países. Disse ainda contar com a presença de empresários angolanos na 37ª edição da Feira Internacional de Havana, a decorrer em Novembro deste ano.

Contratos com Cuba

Ao discursar na abertura, Frederico Cardoso afirmou que o encontro é resultado de várias reuniões entre representantes da ANTEX (Agência Cubana de Cooperação, responsável pelo recrutamento de especialistas que trabalham em Angola) e diversas instituições ministeriais angolanas subscritoras de contratos com Cuba.

“Não haverá assunto bilateral importante para cada um dos nossos Governos, que não passará pelo crivo da nossa análise cuidada, para que mantenhamos sempre as nossas relações de cooperação num nível que as dignifique”, afirmou Frederico Cardoso. O chefe da Casa Civil indicou que neste tipo de encontros as partes devem identificar, de modo directo, os acertos e desacertos, incluindo a forma de melhorar procedimentos e trabalhar com eficácia no aprofundamento da cooperação.

A amizade entre os dois países foi posta à prova nos campos de batalha pela defesa da soberania angolana e nos diversos sectores da Economia, Educação, Saúde e Administração Pública, lembrou o ministro de Estado.

O ministro de Estado e Chefe da Casa Civil do Presidente da República disse esperar que os trabalhos da 14ª Comissão Intergovernamental inaugurem uma etapa caracterizada pelo “consistente” acompanhamento da execução física e financeira dos acordos e contratos assinados.

Os grupos técnicos de trabalho de Angola e de Cuba irão proceder à avaliação da dívida de Angola para com Cuba, a estrutura e o mecanismo de funcionamento do secretariado executivo, assim como o papel da Agência de cooperação ANTEX. Vão igualmente preparar o processo verbal, a ser assinado pelos chefes de delegação.

Hoje de manhã, o Vice-Presidente cubano tem encontros com os secretários de Estado para as Finanças e Tesouro, e para o Planeamento, Vera Daves e Manuel da Costa, respectivamente.

Também pode gostar

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está bem com isso, mas você pode optar por sair, se desejar. Aceitar Leia mais

Translate »