Portal de Angola
Informação ao minuto

UNITA intensifica criticas ao presidente do Tribunal Supremo

Angola Adalberto da Costa Júnior (ao centro) no Namibe (DR)

A UNITA voltou a criticar asperamente o presidente do Tribunal Supremo, Rui Ferreira, afirmando que este não cumpre os requisitos legais para ocupar aquele cargo.

Falando no Namibe num encontro com eleitores, o presidente da bancada parlamentar da UNITA, Adalberto da Costa Júnior, disse que a presença de Rui Ferreira no topo do Tribunal Supremo é “uma grande violação” à lei.

“O Tribunal Supremo só pode ser gerido por um juiz de carreira”, disse, citado pela VOA.

“O Sr. Rui Ferreira não é juiz e nós não podemos virar a cara”, acrescentou o dirigente parlamentar da UNITA para quem “foi assim com estas brincadeiras que 17 anos de paz resultaram num roubo total das reservas e num desastre completo da perspectiva do futuro”.

O presidente da bancada parlamentar da UNITA fez notar que Rui Ferreira tem sido acusado de corrupção e foi nomeado pelo actual presidente João Lourenço.

“O que é que mudou com João Lourenço? Mudou o marketing, nada mais mudou”, disse afirmando que é preciso perguntar “porquê esta nomeação”.

Também pode gostar

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está bem com isso, mas você pode optar por sair, se desejar. Aceitar Leia mais

Translate »