Portal de Angola
Informação ao minuto

Infra-estruturas de água aumentam na Baía-Farta

Namibe: Vista parcial da cidade (DR)

Jornal de Angola | Maximiano Filipe| Benguela

Mais de dois mil habitantes da localidade de Talamajamba, município da Baía Farta, província de Benguela, deixaram de consumir, desde a semana passada, água retirada directamente das cacimbas, lagoas e rios, com a instalação de um sistema de captação e distribuição.

O empreendimento, capacidade para bombear mais de 50 mil litros por hora, foi construído no âmbito do projecto de investimento públicos da província.

No acto de inauguração, o administrador municipal da Baía Farta, José Ferreira, disse que a população local deixou de percorrer cerca de nove quilómetros, até ao rio Cuporolo, em busca de água. “O Governo Provincial continua a dar prioridade ao processo de criação de condições essenciais nas comunidades rurais. Portanto, na medida em que vamos tendo disponibilidade financeira, procuramos melhorar as condições de vida das populações, particularmente no domínio da Saúde, Educação, Habitação, Energia e Águas, entre outros sectores”, disse o administrador.

José Ferreira apelou às autoridades tradicionais da localidade, encarregados de educação e coordenadores dos bairros para sensibilizarem os habitantes sobre a importância da preservação de infra-estruturas públicas.

Também pode gostar

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está bem com isso, mas você pode optar por sair, se desejar. Aceitar Leia mais

Translate »