Portal de Angola
Informação ao minuto

Burla Tailandesa: TS anuncia data da leitura da sentença

TRIBUNAL SUPREMO, POR ALTURA DO JULGAMENTO DO CASO "BURLA TAILANDESA" (FOTO: ALBERTO JULIÃO)

Angop

A data da leitura da sentença do caso “Burla Tailandesa” pode ser conhecida na nesta quarta-feira (10), após a leitura dos quesitos pelo júri do julgamento, que decorre na 1° Câmara Criminal do Tribunal Supremo.

Tal só poderá acontecer após o juiz presidente da causa, Domingos Mesquita, proceder a leitura dos quesitos, momento que antecede a leitura da sentença cujo caso leva 28 sessões, em 82 dias.

Quesito é uma questão geralmente apresentada por escrito, ou uma prova, que o juiz da causa responder na sua decisão.

A última sessão, a da leitura das alegações, ficou marcada pela surpreendente decisão do Ministério Público (MP), titular da acção penal, que solicitou ao júri a absolvição do réu Norberto Garcia, ex-director da UTIP.

Norberto Garcia é um dos principais sujeitos deste julgamento em que o MP acusou-o, com mais nove co-réus, de tentativa de burla ao Estado angolano em USD 50 mil milhões.

Esta acusação, na última sessão, foi igualmente retirada pelo MP a todos os acusados por insuficiência de provas.

Nesta mesma sessão, o etíope Million Isaac Haile foi outro réu para quem o MP solicitou absolvição.

Depois de detenção, há cerca de um ano e três meses, em tribunal chegou-se a conclusão que é ofendido, por ter sido burlado pelos tailandeses, era igualmente uma vítima.

O MP mantêm acusação a Celeste de Brito e ao grupo de quatro tailandeses nos crimes de associação criminosa, branqueamento de capitais e falsificação de documentos.

Aos réus angolanos Arsénio Manuel e Cristiano de Lemos, todos acusados de tráfico de influência, e o canadiano André Roy (associação criminosa), o MP pede condenação com penas exemplares.

Uma medida reprovada pelos advogados dos réus, alegando não existirem provas suficientes, além de incongruências para serem sentenciados.

Também pode gostar

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está bem com isso, mas você pode optar por sair, se desejar. Aceitar Leia mais

Translate »