Ensa
Portal de Angola
Informação ao minuto

Tripulante morto em barco com 10 toneladas de droga em Cabo Verde teve morte natural

Observador/Lusa

Cidade da Praia, Cabo Verde (DR)

O tripulante encontrado morto no barco apreendido a 31 de janeiro no porto da cidade da Praia, em Cabo Verde, com dez toneladas de droga, teve morte natural no seguimento de doença respiratória, informou a Política Judiciária (PJ).

De acordo com esta força de segurança, o resultado da autópsia realizada ao cadáver encontrado na embarcação de bandeira panamense, revelou que o homem “terá tido morte natural, sendo a causa da morte choque séptico de etiologia pulmonar, com edema pulmonar e complicada com sangramento digestivo alto”.

O tripulante terá morrido a 22 de janeiro, “quando o navio se encontrava na travessia das águas marítimas cabo-verdianas, na sequência de fortes dores e vómitos com sangue a que o indivíduo se encontrava sujeito”.

“Confirmado o óbito, a vítima foi colocada numa arca frigorífica que existia no navio, tendo sido comunicadas as autoridades cabo-verdianas, de imediato, atendendo que não poderiam fazer toda a viagem com o cadáver, o que terá ditado o aporte do navio no cais da Praia”, lê-se no comunicado.

A PJ acrescenta que “a vítima, que exercia a função de imediato no navio, não apresentava problemas com ninguém e do exame à camarata e a outros compartimentos do navio, não se verificou indícios de crime”.

A autópsia concluiu que a causa da morte se deveu “a choque séptico de etiologia pulmonar com edema pulmonar e complicada com sangramento digestivo alto”.

O navio foi apreendido pelas autoridades cabo-verdianas, que encontraram no seu interior quase dez toneladas de cocaína.

No seguimento desta operação, foram detidos e estão em prisão preventiva 12 homens, de nacionalidade russa.

A droga foi queimada a 02 de fevereiro, na lixeira da capital cabo-verdiana, perante um forte aparato policial em que participaram várias forças de segurança.

Também pode gostar

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está bem com isso, mas você pode optar por sair, se desejar. Aceitar Leia mais

Translate »