Ensa
Portal de Angola
Informação ao minuto

“Quero encontrar um clube que me motive”, afirma Mourinho à AFP

Afp

José Mourinho (Afp)

O técnico e personalidade José Mourinho, demitido do Manchester United em Dezembro, explicou na sexta-feira à AFP que prevê voltar a treinar na próxima temporada, se possível na Liga dos Campeões.

“O que eu quero é encontrar um clube que me motive para começar a próxima temporada”, declarou o português de 56 anos, durante um evento organizado por seu patrocinador Hublot em Basel, na Suíça.

– Os grandes campeonatos europeus estão terminando. Veremos Mourinho na briga pela Liga dos Campeões na próxima temporada?

“Eu quero estar! Mas, às vezes, se você não está na corrida principal, é preciso saber ganhar outras. Quando cheguei no Manchester United (em 2016) foi preciso ganhar a Liga Europa (o que o português conseguiu em 2017)”.

– Após as conquistas com Porto (2014) e Inter (2010), você gostaria de ganhar uma terceira Champions para igualar o feito de Zinedine Zidane, campeão das últimas três edições com o Real Madrid?

“Se eu conseguir ganhar uma terceira, óptimo. Mas se eu ganhar uma terceira Liga Europa (após 2003 e 2017), também não é ruim. Agora, eu tenho duas Champions e duas Ligas Europa. Se eu ganhar um quinto troféu europeu, é claro que prefiro que seja a Liga dos Campeões. Mas se eu assinar com um clube em dificuldade, como o Manchester United quando cheguei, é preciso primeiramente fazê-lo subir ao andar de cima e tentar dar seu melhor. É claro que quero trabalhar no mais alto nível, e isso é a Liga dos Campeões”.

– Desde que foi demitido do Manchester United, em Dezembro, sente falta do campo?

“Sim, mas tomei a decisão de não trabalhar novamente nesta temporada. Não gosto de assumir um clube em Janeiro, Fevereiro ou Março… O que eu quero é encontrar um clube que me motive para começar a próxima temporada”.

– Você já disse que seu próximo clube precisa ter uma “empatia estrutural” e grandes ambições. Você também quer a liberdade de recrutar os jogadores que quiser durante a janela de transferência?

“Eu não acredito que a liberdade de recrutar jogadores seja boa! Não mesmo. A melhor situação é reflectir com pessoas de diferentes opiniões. É muito importante. O que eu quis dizer por ’empatia’ não é liberdade de recrutar, mas sim que todas as diferentes estruturas do clube trabalhem juntas por um objetivo comum. É fundamental”.

– Você assistiu a um jogo do Campeonato Francês em Lille em Fevereiro. Você poderia trabalhar em um clube francês?

“É difícil dizer. Se digo não, não serei honesto com você. Se disser sim, vocês vão começar a especular os clubes que poderiam me interessar, que terão um cargo livre. Eu posso voltar para países que já conheço (Portugal, Inglaterra, Espanha e Itália) ou tentar algo grande, que seria trabalhar em um quinto país e ganhar tudo, como já fiz nos outros lugares. Veremos o que acontece”.

– Lionel Messi, no Barcelona, e Cristiano Ronaldo, na Juventus, impressionaram nas oitavas de final da Liga dos Campeões. Qual dos dois você acha que pode ganhar o troféu da Liga dos Campeões em Junho?

“Você cita Cristiano e Messi, eu falo de Juventus e Barcelona. Eu sei que no mundo de hoje estamos mais focados no indivíduo. Eu sempre serei um técnico de futebol, que continua sendo um desporto colectivo. Barcelona e Juventus são dois grandes candidatos ao título, mas também há um pelotão de clubes ingleses, o Ajax e o Porto. Barcelona e Juventus têm experiência, talento, e cada um tem um jogador especial. Normalmente, lá onde estão os jogadores especiais, as equipes podem se tornar as melhores”.

– Foi uma surpresa ver quatro clubes ingleses nas quartas?

“Não, porque os clubes ingleses são poderosos, com um campeonato muito competitivo. Às vezes isso joga contra eles, porque o calendário é repleto de situações difíceis. Mas as equipes são boas e fortes, e quando se vê o nível de investimento do Manchester City, com seus jogadores e seu técnico…”.

Respostas colhidas por Alexis HONTANG

Também pode gostar

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está bem com isso, mas você pode optar por sair, se desejar. Aceitar Leia mais

Translate »