Radio Calema
InícioDestaquesPapa Francisco aceita renúncia de cardeal acusado de encobrir abuso sexual

Papa Francisco aceita renúncia de cardeal acusado de encobrir abuso sexual

O papa Francisco aceitou a renúncia do cardeal Ricardo Ezzati, arcebispo de Santiago, acusado de encobrir os abusos sexuais dentro da Igreja, disse o Vaticano em comunicado no sábado.

“O Santo Padre Francisco aceitou a renúncia do cuidador pastoral da Arquidiocese de Santiago do Chile, apresentada por Sua Eminência Cardeal Ricardo Ezzati Andrello, S.D.B. [siga que referencia congregação dos salesianos]”, disse o serviço de imprensa da Santa Sé.

O papa nomeou o bispo Celestino Braco da cidade chilena de Copiapó como o administrador apostólico que será responsável pela Arquidiocese de Santiago até que um novo arcebispo seja nomeado.

Ezzati, de 77 anos, foi acusado de encobrir o abuso sexual supostamente cometido por membros do clero católico chileno. Ele nega a transgressão.

Mais de 100 membros do clero católico no Chile estão actualmente sendo investigados por supostos abusos sexuais de menores. O escândalo eclodiu em 2011, depois que a Igreja Católica chilena concluiu uma investigação e considerou o padre Fernando Karadima culpado de pedofilia. O escândalo motivou a convocação de uma reunião sem precedentes em Roma em Setembro, na qual o papa convidou os bispos a discutir a má conduta sexual na instituição.

Siga-nos

0FãsCurtir
0SeguidoresSeguir
0InscritosInscrever

Últimas notícias

Notícias relacionadas

- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.