- Publicidade-
InicioMundoOceaniaNova Zelândia impõe novas restrições à venda de armas

Nova Zelândia impõe novas restrições à venda de armas

De acordo com a Sputnik, a primeira-ministra da Nova Zelândia, Jacinda Ardern, anunciou nesta quinta-feira, a suspensão do comércio de todos as armas de assalto e semi-automáticas de estilo militar no país, em resposta ao ataque terrorista da última semana.

De acordo com a premiê, além das armas em questão, também serão proibidos componentes utilizados nesse tipo de armamento.
“Em suma, todas as armas semi-automáticas usadas no ataque terrorista de sexta-feira serão proibidas neste país”, disse ela.

Na manhã do último dia 15, um terrorista australiano de extrema direita abriu fogo contra duas mesquitas da cidade neozelandesa de Christchurch, matando ao menos 50 pessoas e deixando outras dezena de feridos. Segundo investigadores, ele pretendia realizar ainda mais um ataque, em um distrito vizinho, mas foi detido pela polícia cerca de 20 minutos depois da primeira chamada de emergência.

- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -

Notícias relacionadas

- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.