Ensa
Portal de Angola
Informação ao minuto

Dia Mundial da Água celebra-se sexta-feira

Angop

"O descaso histórico e sistemático da humanidade com o seu entorno ambiental levou-a ao paroxismo presente: o de se ver ameaçada de não mais dispor de seu insumo fundamental – a água" (DR)

Assinala-se nesta sexta-feira, 22 de Março, o Dia Mundial da Água, instituído pela Assembleia Geral da Organização das Nações Unidas, com o objectivo de chamar a atenção para a importância e para a escassez desse importante bem natural.

No dia 22 de Março de 1992, a ONU divulgou um documento que passou a denominar-se de “Declaração Universal dos Direitos da Água”. Trata-se de um documento relevante, contendo medidas, sugestões e informações que servem para despertar a consciência das populações e dos governantes para a questão da água.

Um dos pontos do documento diz que “o equilíbrio e o futuro do nosso planeta dependem da preservação da água e de seus ciclos. Estes devem permanecer intactos e funcionando normalmente para garantir a continuidade da vida sobre a Terra.

Acredita-se que a data é também destinada à discussão e reflexão sobre os diversos temas relacionados com este importante bem natural que, como sabemos, tende a ser cada vez mais limitado.

Em Angola, há muito que as políticas públicas sobre o uso, gestão e preservação dos recursos hídricos lutam para estar de encontro os interesses das populações.

O Executivo pôs em marcha o “Projecto Água para Todos”, cujos resultados são animadores. Inaugurado na comuna de Cabiri, província do Bengo, em 2007, antecedido por projectos-piloto nas províncias de Cabinda, Uíge, Benguela e Bengo.

A execução do programa, que visa garantir o acesso à água potável a pelo menos 80 por cento da população rural, está sob a responsabilidade dos governos provinciais.

Hoje, os níveis de acesso à água aumentaram em todo o país embora ainda tenham que melhorar e, graças à estratégia do Executivo, todas as províncias têm, em execução, programas para captação, tratamento e distribuição de água.

O “Projecto Água para Todos” está a atingir os índices de cobertura de, pelo menos, 80 por cento da população, abrangendo todas as regiões do país. Trata-se do cumprimento das metas traçadas pelo Executivo que visam a garantia de água com qualidade a todas as comunidades.

A primeira fase do “Projecto Água para Todos” começou em 2007 e a segunda fase, foi marcada em 2013, mas até agora continua-se a implementação deste mesmo projecto, de modo a estar mais próximos do cumprimento dos Objectivos de Desenvolvimento do Milénio.

O Estado está a fazer as apostas em investir somas para levar a todas as comunidades água potável. E esse esforço exige da parte dos consumidores maior responsabilidade, não apenas na racionalização dos consumos mas sobretudo na preservação dos equipamentos.

O Estado está a fazer as apostas em investir somas para levar a todas as comunidades água potável. E esse esforço exige da parte dos consumidores maior responsabilidade, não apenas na racionalização dos consumos mas sobretudo na preservação dos equipamentos.

Visando este objectivo, anualmente o dia Mundial da Água aborda um tema específico de extrema importância para a sobrevivência humana. O tema de 2018 foi “Soluções Naturais para a Água“. O tema de 2019 ainda não foi divulgado pela ONU.

A conscientização sobre a urgência da economia de água e o seu uso responsável é uma das principais metas do Dia da Água.

A água potável é um direito humano garantido por lei desde 2010, de acordo com a Organização das Nações Unidas (ONU).

Mesmo o nosso planeta sendo constituído por aproximadamente 70% de água, apenas 0,7% de toda a água do mundo é potável. É considerada água potável aquela água que é adequada para o consumo humano.

De realçar que a Água faz parte do património do planeta.

Também pode gostar

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está bem com isso, mas você pode optar por sair, se desejar. Aceitar Leia mais

Translate »