Portal de Angola
Informação ao minuto

Governo investe AKz 636 milhões no parque industrial do Andulo

(DR)

Pelo menos 636,9 milhões de kwanzas estão a ser investidos pelo Governo angolano na construção do parque industrial rural do município do Andulo, província do Bié, anunciou hoje o secretário de Estado da Indústria, Ivan do Prado. num prazo de execução de 12 meses.

O parque industrial rural do Andulo entra em funcionamento em 2020 e numa primeira fase o projecto vai garantir emprego directo a 20 jovens e mais de mil indirectos.

O projecto terá um prazo de execução de 12 meses e será executado numa área de 10 hectares, segundo o secretário, que falava à Angop, na cerimónia de lançamento da primeira pedra para início da obra.

Serão implantadas no local, unidades industriais voltadas à transformação de mandioca, milho em fuba, ração animal e montagem de motorizadas, área administrativa, central de geração de energiae de abastecimento de água.

Na ocasião, o secretário de Estado disse que o projecto será implementado, numa primeira fase até 2020, nos municípios de Cacuso (Malanje), Tomboco (Zaire) e Canjala (Benguela) e deverá contar com a parceria do sector privado.

Sem avançar o valor necessário para o investimento, recordou que os parques industriais rurais terão unidades industriais para a transformação da mandioca, do milho em fuba, ração animal, oficinas de motorizadas entre outras.

A ideia, segundo o secretário de Estado da Indústria, é permitir que cada parque construído haja mais de 20 postos de emprego directos e mil indirectos, sobretudo para a juventude.

Referiu que a implementação dos parques industriais vai estimular os camponeses a aumentar a produção agrícola, bem como a diversificação da economia nacional.

Entretanto, a administradora municipal do Andulo, Celeste Adolfo Elavoko destacou a importância do parque industrial rural, por vir a incentivar o aumento da produção agrícola dos camponeses.

Com uma população de 258 mil e 161 habitantes, maioritariamente camponesa, o sector da Agricultura no município do Andulo, controla mais de 200 associações de camponeses, sete cooperativas agrícolas, com 65 mil famílias com terras aráveis para a prática da agricultura.

No ano agrícola 2018/2019, no município do Andolo foram cultivados cem mil e 783 hectares, desbravados manualmente, mais sete mil hectares em relação à campanha anterior.

No município do Andulo são cultivados o milho, mandioca, feijão, ginguba, soja, bata-doce e batata rena, gergelim e hortaliças diversas.

Também pode gostar

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está bem com isso, mas você pode optar por sair, se desejar. Aceitar Leia mais

Translate »