Portal de Angola
Informação ao minuto

Carlos Saturnino faz frente a Isabel dos Santos

Carlos Saturnino, o novo líder da petrolífera angolana (DR)

Carlos Saturnino, Presidente do Conselho de Administração (PCA) da Sonangol e Isabel dos Santos antiga PCA da petrolífera angolana protagonizam um novo braço de ferro mas agora dentro da UNITEL.

O que se passa é que a Sonangol detém 25% de acções da UNITEL e Isabel dos Santos através da empresa VIDATEL detém igualmente 25%, outros 25% é detida pela empresa GENI do general Leopoldino Fragoso do Nascimento e outros 25% pertencem à PT Ventures detida pela brasileira OI, escreve a VOA.

Isabel dos Santos é a actual presidente do Conselho de Administração com mandato já expirado há dois anos e agora adisputa agora épara nomeação de um novo conselho de Administração diferente do actual como é intenção do accionista Sonangol enquanto que a accionista VIDATEL de Isabel dos Santos vai fazendo lobbies para permanecer a frente do Conselho de Administração.

“Os sócios tem tido uma discussão dura, não tem sido fácil, não se chega a um consenso mas estamos a ver se conseguimos um entendimento agora em Marçoo para alterar o conselho de administração da UNITEL que já expirou o seu mandato a 31 de Dezembro de 2017”, disse Luis Maria, um dos administradores da Sonangol nas discussões no Conselho de Administração da UNITEL.

Carlos Saturnino diz mesmo que não vai admitir que Isabel dos Santos com a mesma percentagem de acções que outros sócios faça o que bem entende dentro da UNITEL.

“Nós não aceitamos que um único accionista que tem os mesmos 25% tome decisões para a vida da empresa de forma unilateral, esse eh o problema,” disse Saturnino para quem há que
eleger novos membros para encabeçar a UNITEL.

“Temos de chegar a um acordo para indicação de um novo CA, um novo PCA do Conselho de Administração, novo presidente da Assembleia Geral etc”, disse

Também pode gostar

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está bem com isso, mas você pode optar por sair, se desejar. Aceitar Leia mais

Translate »