Portal de Angola
Informação ao minuto

Julgamento adiado por falta de viatura para transportar os presos para o Tribunal

Imagem ilustrativa (DR)

A falta de viatura para transportar os detidos desde a cadeia até ao Tribunal levou ao adiamento do julgamento dos homens que assassinaram a tiro o ex-estudante bolseiro, Jorge Peterson da Silva Miguel, de 26 anos, no bairro Gamek em Luanda, à saída de uma agência do Banco BIC, onde tinha ido levantar seis milhões de Kwanzas, escreve o Novo Jornal Online.

Segundo o tribunal, a Direcção dos Serviços Prisionais esclareceu que a situação deveu-se à falta de viatura para transportar os dois prisioneiros, sem adiantar para quando está prevista a resolução do problema e, por isso, quando será iniciado o julgamento.

“Todas as condições estavam criadas para o julgamento que devia ter começado às 10:00 de hoje, mas, quando eram 12:00, o juiz, Vidal Romeu, questionou a demora dos réus e pediu para o oficial de justiça contactar a Prisão da Comarca de Viana no sentido de saber a razão da demora dos dois presos”, disse ao NJOnline uma fonte do tribunal.

Face a este cenário, o julgamento foi suspenso sem mesmo ter sido iniciado sem que tivesse sido marcada nova data.

“Estamos a aguardar uma resposta da comarca, não podemos dar data porque o erro não foi cometido pelo tribunal e quando os Serviços Prisionais tiverem as condições reunidas, o tribunal vai agendar uma nova data”, afirmou a fonte.

O NJOnline contactou o porta-voz dos Serviços Prisionais, Menezes Cassoma, que disse não ter informação do caso prometendo um esclarecimento em breve.

“Não tenho está informação, já contactei o director da cadeia, estão a averiguar o caso, tão logo existirem mais dados disponíveis sobre está questão, falaremos”, disse o oficial.

Os arguidos deviam hoje começar a responder no processo em que são acusados de assassinar um jovem na Av. 21 de Janeiro, no bairro da Gamek, quando a vitima e um amigo, a quem tinha pedido boleia, foram perseguidos por quatro elementos em duas motorizadas, acabando Jorge Peterson da Silva Miguel a ser baleado pelos criminosos.

Os dois indivíduos que deviam ter começado a ser julgados hoje fazem parte do grupo inicial de quatro assaltantes, sendo que dois permanecem fugidos às autoridades.

Também pode gostar

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está bem com isso, mas você pode optar por sair, se desejar. Aceitar Leia mais

Translate »