Portal de Angola
Informação ao minuto

Detido director do INEA em Cabinda acusado de peculato

(DR)

O director do Instituto de Estradas de Angola (INEA) em Cabinda, Igor Pereira, está detido no Serviço de Investigação Criminal, acusado dos crimes de peculato, branqueamento de capitais e desvio de fundos dos Estado.

Fonte da polícia avançou, nesta segunda-feira à Angop, que a formalização da prisão preventiva pela PGR aconteceu sexta-feira, tendo como base o desvio de 26 milhões e 483 mil e 280 kwanzas, de um total de 186 milhões 439 mil kwanzas referente ao período de 2016 a 2018.

Segundo avança Angop, trata-se de dinheiro que deveria ser usado em obras de construção de pontes e estradas na província.

Igor Pereira está detido com mais três membros de direcção do INEA das áreas de finanças, técnica e projectos.

Também pode gostar

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está bem com isso, mas você pode optar por sair, se desejar. Aceitar Leia mais

Translate »