Portal de Angola
Informação ao minuto

Grammy entregues hoje com Kendrick Lamar e Drake a liderarem as nomeações

(DR)

Os prémios norte-americanos de música Grammy são entregues hoje à noite em Los Angeles, nos Estados Unidos, com Kendrick Lamar e Drake a lideraram as nomeações, escreve o Diário de Notícias que cita a Lusa.

O ‘rapper’ norte-americano Kendrick Lamar, que já atuou duas vezes em Portugal (em 2014 no Porto e em 2016 em Lisboa) lidera a corrida aos prémios com oito nomeações, seguido do canadiano Drake, com sete.

Kendrick Lamar e Drake estão ambos nomeados para três das quatro categorias principais: Gravação do Ano (“All the stars” e “God’s Plan”, respetivamente), Álbum do Ano (banda sonora de “Black Panther” e “Scorpion”) e Canção do Ano (“All the stars” e “God’s Plan”).

Para o Grammy de Gravação do Ano estão também nomeados Cardi B, Bad Bunny e J Balvin (“I Like It”), Brandi Carlile (“The Joke”), Childish Gambino (“This is America”), Lady Gaga e Bradley Cooper (“Shallow”), Post Malone com 21 Savage (“Rockstar”), Zedd, Maren Morris e Grey (“The Middle”).

Dos nomeados nesta categoria, é provável que pelo menos um não compareça na cerimónia: o ‘rapper’ 21 Savage, detido a 03 de fevereiro em Atlanta pela autoridade de imigração e alfandegária norte-americana (ICE, na sigla em inglês).

Segundo a ICE, 21 Savage, nascido Sha Yaa Bin Abraham-Joseph, é um cidadão britânico que entrou nos Estados Unidos de forma legal em julho de 2005, mas ultrapassou o prazo do visto, que expirou em 2006.

Condenado por posse de droga em 2014, 21 Savage foi agora encaminhado para um processo de deportação. Entretanto, o ‘rapper’ e produtor Jay-Z pediu ao seu advogado para acompanhar o caso, embora 21 Savage não pertença à editora Roc Nation.

Entretanto, além de Jay-Z, outras personalidades, entre as quais a cantora Cardi B e a congressista democrata Alexandria Ocasio-Cortez, demonstraram publicamente apoio a 21 Savage.

A música “Rock Star”, de Post Malone e que conta com a participação do ‘rapper’, está ainda nomeada na categoria Melhor Performance Rap/Cantado (para uma performance a solo ou colaborativa que contenha elementos de melodias r&b e rap).

Pelo Grammy de Álbum do Ano, além de Drake e Kendrick Lamar, competem ainda Cardi B, com “Invasion of privacy”, Brandi Carlile, com “By the way, I forgive you”, H.E.R., com “H.E.R.”, Post Malone, com “Beerbongs & Bentleys”, Janelle Monáe, com “Dirty Computer” e Kacey Musgraves, com “Golden Hour”.

O Grammy de Canção do Ano será disputado também por Ella Mai (“Boo’d Up), Shawn Mendes (“In my blood”), Brandi Carlile (“The joke”), Sed, Maren e Grey (“The middle”), Lady Gaga e Bradley Cooper (“Shallow”) e Childish Gambino (“This is America).

Chloe x Halle, Luke Combs, Greta Van Fleet. H.E.R., Dua Lipa, Margo Price, Bebe Rexha e Jorja Smith competem na categoria de Melhor Jovem Artista, outro dos principais Grammy.

A 61.ª cerimónia de entrega dos Grammy será apresentada pela cantora Alicia Keys.

Ao longo da noite haverá várias atuações. Entre os artistas confirmados estão Camila Cabello, Cardi B, Brandi Carlilie, Miley Cyrus, Post Malone com os Red Hot Chili Peppers, Shawn Mendes e Janelle Monáe.

Também pode gostar

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está bem com isso, mas você pode optar por sair, se desejar. Aceitar Leia mais

Translate »