Smiley face

Treinador do Nantes chora morte de Sala: “Era um menino muito amado…”

0 20

Receba atualizações em tempo real diretamente no seu dispositivo, inscreva-se agora.

Vahid Halilhodzic, treinador do Nantes, falou sobre a notícia que abalou o clube francês e o mundo do futebol.

Horas depois da notícia que confirmou a morte de Emiliano Sala, argentino que jogava no Nantes, Vahid Halihodzic, treinador dos franceses, falou de um momento de enorme triste e de um menino “muito amado”.

“Tivemos sempre a esperança, mesmo sabendo que era quase uma ilusão… A verdade terrível e injusta chegou. Mas agora podemos prestar homenagem a alguém que deixará uma marca eterna neste clube, pelo seu comportamento e humildade. Não só como jogador, mas como homem”, disse o técnico bósnio citado pel’O JOGO.

Halihodzic disse que Sala era um “menino muito amado” e que é “difícil aceitar a notíca”: “Sala foi um exemplo de humanidade, fica na nossa memória para sempre, era um menino de muito caráter”, finalizou.

Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Translate »