Radio Calema
InicioMundo LusófonoBrasilEx-governador do Rio de Janeiro arguido em novo processo de corrupção

Ex-governador do Rio de Janeiro arguido em novo processo de corrupção

O antigo governador do Rio de Janeiro Sergio Cabral e o presidente afastado da Assembleia Legislativa do estado Jorge Picciani foram constituídos arguidos ma terça-feira pela Justiça brasileira acusados de participar num esquema ilícito de compra e venda de gado.

Ambos os políticos foram denunciados por improbidade administrativa pelo Ministério Público do Rio de Janeiro (MPF-RJ), acusados da pratica dos crimes branqueamento de capitais e recebimento de suborno.

Segundo o órgão de Justiça brasileiro, Cabral terá recebido um milhão de reais (230 mil euros, ao câmbio atual) em subornos da Carioca Engenharia entre os anos de 2007 e 2014.

Este dinheiro terá gerado operações ilícitas de compra e venda de cabeças gado, criadas pela família de Picciani.

O MPF-RJ alega que os esquemas de suborno envolviam licitação, contratação e execução de projetos de urbanização de favelas, reformas no estádio desportivo do Maracanã, a construção do arco metropolitano do Rio de Janeiro e também de uma linha de metro.

Além da acusação a Cabral e Picciani, o MPF-RJ também denunciou José Augusto Ferreira dos Santos, apontado como operador financeiro do esquema ilícito.

Siga-nos

0FansCurti
0SeguidoresSeguir
0InscritosSe inscrever

Últimas notícias

Notícias relacionadas

- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.