Portal de Angola
Informação ao minuto

Homem morre em tanque de combustível

Imagem ilustrativa (DR)

Um homem de 42 anos de idade morreu, por asfixia, no tanque de combustível de uma bomba de distribuição, no bairro Morro Bento, município de Talatona, em Luanda.

O indivíduo faleceu por falta de oxigénio e inalação de gases, num espaço confinado, segundo o corpo de bombeiros.

O incidente envolveu um outro indivíduo, retirado vivo, tendo ocorrido numa altura em que ambos limpavam o tanque.

Em declarações à Angop, nesta segunda-feira, o porta-voz do comando provincial do Serviço Nacional de Protecção Civil e Bombeiros, Faustino Minguês, disse que o sobrevivente, de 32 anos de idade, está internado num hospital e fora de perigo.

“Este tipo de trabalho deve ser feito por especialistas equipados, principalmente com mascaras, vestuário apropriado e botijas de oxigénio, material que as vítimas não possuíam”, lamentou.

O SNPCB não revelou se os homens eram trabalhadores da bomba de distribuição de combustíveis, que pertence à Sonangol, mas está sob gestão privada.

De igual modo, não explica se foram contratados apenas para fazer o serviço de limpeza.

Durante o fim-de-semana, os bombeiros registaram quatro incêndios por curto-circuito, sem vítimas humanas, nos municípios de Luanda (Maianga e Rangel) e Kilamba-Kiaxi (Nguami Maka e Golfe-2).

As ambulâncias do SNPCB encaminharam 16 pessoas para as unidades hospitalares públicas e privadas, vítimas de agressões físicas, acidentes de viação e outras patologias.

Os socorros ocorreram nos municípios de Luanda (Sambizanga, Maianga e Ingombota), Viana (Zango, Estalagem e Boa Fé), Cacuaco ( Sequele) e Cazenga (Hoji ya Henda).

Também pode gostar

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está bem com isso, mas você pode optar por sair, se desejar. Aceitar Leia mais

Translate »