Portal de Angola
Informação ao minuto

Maduro assume novo mandato com crescente isolamento internacional

Tomada de posse de Maduro (DR)

O presidente da Venezuela, Nicolás Maduro, assumiu nesta quinta-feira (10) um segundo mandato de seis anos, considerado ilegítimo pelos Estados Unidos, a União Europeia (UE) e a maior parte da América Latina, que ameaçam aumentar a pressão contra seu governo, noticia a AFP.

Maduro, de 56 anos, prestou juramento ao Tribunal Supremo de Justiça (TSJ, pró-governista), num acto ao qual não compareceram representantes da UE, nem da maior parte da América, com exceção de um punhado de mandatários aliados.

Nas primeiras demonstrações de repúdio regional, o Paraguai rompeu relações, Canadá, Peru e Argentina denunciaram uma “ditadura”, enquanto o Brasil e a Organização de Estados Americanos (OEA) declararam o governo Maduro como “ilegítimo”.

A UE, os Estados Unidos e o Grupo de Lima – integrado por 13 países latino-americanos e o Canadá – não reconheceram a sua reeleição na votação de 20 de maio passado, boicotada pela oposição por considerá-la uma fraude.

Em declaração, a UE lamentou “profundamente” que Maduro comece um novo mandato emanado de “eleições não democráticas” e advertiu com a adoção de “medidas” se aumentar a deterioração da situação na Venezuela.

“União Europeia, detenha-se, não venha com seu velho colonialismo, com suas velhas agressões”, exclamou o chefe de Estado, que elogiou o movimento dos “coletes amarelos”, que desafia o governo francês.

Washington anunciou, por sua vez, que vai aumentar a pressão contra o que o conselheiro de segurança nacional da Casa Branca, John Bolton, chamou de “regime corrupto”.

Em sua posse, Maduro acusou a UE de racismo e pediu “respeito”, enquanto voltou a denunciar uma tentativa de “golpe de Estado” orquestrada pelos Estados Unidos.

“A Venezuela é o centro de uma guerra mundial do imperialismo norte-americano e seus governos satélites”, disse Maduro, ao defender como “legítima” sua posse e pedir uma cúpula latino-americana para abordar a situação.

Também pode gostar

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está bem com isso, mas você pode optar por sair, se desejar. Aceitar Leia mais

Translate »