Portal de Angola
Informação ao minuto

Gado no Namibe pode ser infectado com papilametose

RETRATO E BOVINOS. (FOTO: VALENTINO YEQUENHA)

Pelo menos 15 mil cabeças de gado bovino da comuna de Bentiaba, município de Moçâmedes, província do Namibe, correm o risco de contraírem, nos próximos dias, a “Papilametose bovina”, uma doença infecto contagiosa autolimitante.

O primeiro caso isolado da “Papilametose bovina”, também conhecida por “verrucose”, apareceu pela primeira vez na província em Junho de 2018, segundo o criador Kavimbi Tchipiaka.

A doença é caracterizada por borbulhas que cobre o corpo todo do animal.

Na altura, o criador pensou que fosse apenas umas simples borbulhas que desapareciam dias depois, mas agora vê-se que a doença começou a contaminar outras cabeças de gado.

A doença tende a propagar-se por toda região, motivo que levou os criadores a alertar a direcção provincial de veterinária, que fez deslocar alguns técnicos à localidade para a recolha de amostras.

Segundo o chefe do departamento dos serviços veterinários da província do Namibe, Luís Paulo Bié, que falava à Angop, já foram feitas colectas de amostras de sangue e encaminhadas para o laboratório regional de veterinária na província da Huila para confirmação da doença.

“Tudo leva-nos a concluir que estamos diante da denominada “Papilametose bovina” também conhecida pela “ verrucose”, dados que só poderemos confirmar com os resultados clínicos e daí partirmos para o devido tratamento dos animais infectados”, disse.

Lamentou o facto de muitos criadores não levarem o gado às mangas de vacinação para serem vacinados, situação que ajudar na propagação de doenças do género.

“Criadores de gado, que tem mais de 100 a 200 cabeças, apenas trazem para campanha 15 a 30 cabeças, alegando que, depois vacinado, grande parte do gado morre”, lamentou.

Naquela localidade, os técnicos de veterinária estão a desenvolver uma intensa campanha de sensibilização junto dos criadores de gado, de modo a persuadi-los a vacinarem os seus animais, evitando assim doenças como a verrucose.

Os serviços de veterinária estão igualmente a sensibilizar a população a comprar carne apenas nos talhos, por estes locais garantirem qualidade da carne inspeccionada.

É a primeira vez que essa doença bovina aparece na província.

Também pode gostar

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está bem com isso, mas você pode optar por sair, se desejar. Aceitar Leia mais

Translate »