Portal de Angola
Informação ao minuto

Brinquedo sexual teve prémio revogado por ser “imoral e indecente”

Tecnologia ao Minuto

(© Lora DiCarlo)

Num primeiro momento a empresa responsável foi distinguida por inovação na área de robótica.

A empresa responsável pelo evento tecnológico Consumer Electronics Show (CES), a Consumer Technology Association (CTA), está a ser alvo de críticas depois de atribuir um prémio e logo a seguir retirá-lo ao mais recente produto de uma empresa responsável por brinquedos sexuais, a Lora DiCarlo.

O brinquedo em questão (acima) tem o nome de Osé e foi distinguido como inovador na área de robótica, com o referido prémio a ter sido retirado por ter sido considerado “imoral, obsceno, indecente, profano ou não manter a imagem da CTA”. O prémio foi atribuído via e-mail no dia 10 de outubro de 2018 e retirado no mesmo mês, no dia 31.

Naturalmente, a revogação do prémio deu início a uma série de críticas sobre a forma como a CTA lida com produtos sexuais direcionados para homens e mulheres.

“Há uma óbvia dualidade de critérios no que diz respeito a sexualidade e saúde sexual. Apesar de haver produtos sexuais ou de saúde sexual no CES, parece que a administração da CTA aplica as regras de forma diferente para empresas e produtos com base no género dos seus consumidores.

A sexualidade dos homens tem permissão de ser explícita com um literal robot sexual com a forma proporcionalmente irrealista de uma mulher e pornografia de realidade virtual como ponto de orgulho. A sexualidade feminina, por outro lado, é fortemente silenciada senão banida por inteiro”, declarou a fundadora da Lora DiCarlo, Lora Haddock.

Em reação, um representante do CES adiantou ao Motherboard que “o produto não encaixa nas categorias de produtos existentes” e, portanto, “não devia ter sido considerado”. “A CTA comunicou a sua posição à Lora DiCarlo. Pedimos desculpa à empresa pelo nosso erro”, finaliza o comunicado.

Também pode gostar

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está bem com isso, mas você pode optar por sair, se desejar. Aceitar Leia mais

Translate »