Smiley face

CASA-CE minimiza saída de “Libertador”

0 68

Receba atualizações em tempo real diretamente no seu dispositivo, inscreva-se agora.

Segundo o Jornal de Angola, a direcção da CASA-CE não recebeu nenhuma notificação oficial sobre a desvinculação do ex-secretário – executivo provincial da coligação, em Luanda, Alexandre Dias dos Santos “Libertador”.

A informação foi avança-da ontem em Luanda, pelo secretário-executivo nacional da CASA-CE, Rafael Aguiar, na abertura de um encontro de concertação com os secretários-gerais dos partidos coligados.

Rafael Aguiar minimizou a saída do ex-secretário-executivo provincial da coligação, que é liderada por Abel Chivukuvuku. “O companheiro ‘Libertador’ já tinha saído da UNITA para a CASA e a UNITA manteve-se intacta. Agora, sai da CASA para (regressar) à UNITA, a CASA também vai continuar intacta”, afirmou.

Por sua vez, Manuel Fernandes, membro do colégio presidencial da CASA-CE, acusa Alexandre Dias dos Santos de levar para a UNITA, o património da coligação. “Todo o militante é livre de tomar a decisão de abandonar a coligação. O que não é correcto, é desacreditar a coligação e inclusive, levar o património sem consentimento do colégio presidencial”, deplorou Manuel Fernandes, em declarações ao NJOnline.

Manuel Fernandes informou ainda que a direcção da CASA-CE vai convocar o ex-secretário-executivo provincial de Luanda, para devolver o património o mais rápido possível. Entre o património reclamado, por Manuel Fernandes, estão viaturas e computadores.

O dirigente da CASA-CE precisou, que o colégio presidencial reúne nos próximos dias, para criar uma comissão que vai substituir Alexandre Dias dos Santos, que regressou à sua antiga formação política, a UNITA.
Antes da entrada na CA-SA-CE “Libertador” foi dirigente da UNITA, onde chegou a ser o secretário municipal no Sambizanga, mais tarde deixou o partido para aliar-se a Abel Chivukuvuku, que acabava de fundar a coligação.

O regresso à UNITA de Alexandre Dias dos Santos “Libertador” está a ser associado às movimentações para as autárquicas, fala-se na existência de um entendimento para a apresentação como candidato do “Galo Negro” no distrito do Sambizanga, onde supostamente goza de popularidade.

A saída de Dias dos Santos da CASA-CE surge num contexto de crise na coligação, reconhecido por Manuel Fernandes. “Vivemos uma crise, mas tudo está a ser feito para que o mais rápido possível, a situação seja resolvida”, afirmou o responsável.

Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Translate »