Radio Calema
InicioEconomiaTuristas concretizam visto de fronteira no Cunene

Turistas concretizam visto de fronteira no Cunene

Quarenta e nove turistas de 12 nacionalidades obtiveram vistos de turismo na zona fronteiriça de Santa-Clara, província do Cunene, durante o ano de 2018, num processo que o país realiza desde Março último.

De acordo com Angop, este número eleva de 341 mil 732 entradas registadas em 2017 para 652 mil 228 no ano de 2018.

A emissão de vistos de turismo, naquela localidade fronteiriça com a República da Namíbia, acontece por força do Decreto Presidencial 56/18, de 20 de Fevereiro, que estabelece o regime de isenção e os procedimentos de simplificação dos actos administrativos para a concessão de vistos.

Em nota, o Serviço de Migração e Estrangeiro (SME) no Cunene informou que as autorizações de entrada foram emitidas a favor de nove norte-americanos, oito brasileiros, cinco sul-coreanos, dez alemãs, dois portugueses, quatro britânicos, quatro chineses e dois franceses.

Na lista constam também um canadiano e um número de checo, um lituânio e um belga.

Os destinos preferenciais dos beneficiários dos vistos de turistas obtidos em Santa-Clara foram as províncias do Namibe, da Huíla, do Huambo e de Luanda, está última no litoral norte do país.

Para o visto de turismo, a lei angolana exige o comprovativo de reserva de hotel ou de acolhimento por cidadão residente em Angola, de comprovativo de meios de subsistência e de cartão internacional de vacinas actualizado, além de bilhete de passagem de ida e volta e passaporte com validade superior a seis meses.

Siga-nos

0FansCurti
0SeguidoresSeguir
0InscritosSe inscrever

Últimas notícias

Notícias relacionadas

- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.