Portal de Angola
Informação ao minuto

A ‘irresponsabilidade’ do ministro da Justiça?

Francisco Queiroz, ministro da Justiça e dos Direitos Humanos (DR)

Nos dias de hoje, às horas, dias e meses são ‘cronometrados’ em função das actividades de cada pessoa, associando à mobilidade de cada cidade, vila ou região.

Para alguém que prima pela ‘justiça’, no mínimo, é pouco justo, com todas os meios de informação agora disponível em território nacional, que é parte do mundo, que ainda se assista a actos de irresponsabilidades como o que se assistiu hoje com a associação Handeka.

Segundo nota divulgada na sua página de facebook, associação acima citada foi convidada para um encontro com o Ministro da Justiça, Francisco Queiroz, hoje, 20 de Dezembro, às 11h00 para um encontro.

Porém, continua a nota, os responsáveis da Associação, no local, instalados numa sala de espera, forma informados que o Ministro não se encontra em Angola, pedindo desculpa pelo facto de não os terem avisado previamente. “A Handeka lamenta, que por esta altura e a este nível, ainda exista tamanha incompetência e negligência dos funcionários do gabinete do senhor Ministro”, lê-se.

Também pode gostar

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está bem com isso, mas você pode optar por sair, se desejar. Aceitar Leia mais

Translate »