Notícias de Angola - Toda a informação sobre Angola, notícias, desporto, amizade, imóveis, mulher, saúde, classificados, auto, musica, videos, turismo, leilões, fotos

Alemanha: CDU escolhe hoje em congresso sucessor de Angela Merkel

Os delegados ao congresso da União Democrata Cristã (CDU) escolhem hoje, em Hamburgo, o novo líder do partido, com dois candidatos na frente da corrida.

Segundo o Sapo 24 que cita a Lusa, doze elementos do partido disponibilizaram-se a entrar na corrida à liderança da CDU, mas há três que se destacaram como possíveis sucessores de Angela Merkel: Annegret Kramp-Karrenbauer, apelidada de “Mini-Merkel”, Friedrich Merz, a quem muitos chamam “Anti-Merkel” e Jens Spahn, atual ministro da Saúde.

De acordo com as últimas sondagens, a secretária-geral do partido, Kramp-Karrenbauer, e o advogado e empresário Merz são os dois favoritos.

Em declarações à Lusa, o sociólogo e politólogo Óscar Gabriel, considera que “os dois têm praticamente as mesmas hipóteses de ser escolhidos como novo líder do partido e candidato a chanceler em 2021″.

O professor da Universidade de Estugarda lembra que é a primeira vez, desde 1970, que os delegados da CDU vão escolher entre um número tão elevado de candidatos.

“A ala conservadora do partido claramente apoia Merz, enquanto a fação liberal parece ser a favor de AKK, e ambos os lados estão distribuídos praticamente de uma forma igual. Se isso se vai refletir nas escolhas dos delegados, é difícil dizer”, revela Oscar Gabriel.

Segundo o politólogo e sociólogo alemão, “os dois candidatos diferem claramente na sua personalidade, nas suas competências, nas ideologias e na relação com as linhas defendidas por Merkel.”

“Merz é mais carismático que Kramp-Karrenbauer, mas ela é mais integradora. Merz fez uma carreira na vida empresarial, enquanto Kramp-Karrenbauer provou a sua competência como chefe de um governo de sucesso que é capaz de ganhar eleições. Ambos detêm posições semelhantes em questões morais, mas diferem em relação às políticas económicas e sociais”, esclarece o docente da Universidade de Estugarda, também ele militante da CDU.

Friedrich Merz foi afastado por Angela Merkel, em 2002, do cargo de líder parlamentar dos democratas cristãos. Annegret Kramp-Karrenbauer foi a escolhida pela chanceler para ser a nova secretária-geral do partido, cargo que ocupa desde fevereiro deste ano.

Angela Merkel é a chefe do governo alemão há 13 anos e líder da CDU há 18. Anunciou, a 29 de outubro, a intenção de não se recandidatar à liderança do partido.

O congresso que vai escolher o sucessor está marcado para hoje e sábado, na cidade de Hamburgo.

Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está bem com isso, mas você pode optar por sair, se desejar. Aceitar Leia mais

Translate »