Smiley face

Trocas comerciais intra-africana conta com USD 25 mil milhões

Angop

0 27

Receba atualizações em tempo real diretamente no seu dispositivo, inscreva-se agora.

Vinte e cinco mil milhões de dólares norte-americanos é o valor disponibilizado pelo Banco Africano de Exportação e Importação (Afreximbank), para financiar empresas africanas e reforçar as trocas comerciais entre os países africanos, soube nesta terça-feira a Angop.

Para o início da concretização deste financiamento, o Afreximbank, em parceria com a União Africana e o Governo egípcio, realizam de 11 a 17 de Dezembro do ano em curso, no Cairo (Egipto), a primeira Feira Comercial Intra-Africana (IATF/2018), com objectivo de reflectir em torno da fraca relação/transacção comercial entre os países africanos, estimada em apenas 15 por cento, contra 59% com a Europa, 51% da Ásia e 37% da América do Norte.

Sob o lema “Transformando África”, o evento vai também analisar, entre várias questões, a partilha de informações de mercado entre as nações do continente berço, através da plataforma IATF, assim como permitir que os investidores, vendedores e compradores estabeleçam parcerias de negócios.

A Feira Comercial Intra-Africana, que prevê acolher mais de mil expositores e receber 70 mil visitantes, tem como meta atingir o Mercado Livre Africano, que possui mais de 900 milhões de consumidores.

Temas como “Alinhamento de interesses entre governos e indústrias em torno do comércio e investimento em África”, “Usando o comércio para alcançar a transformação económica: o que precisa ser feito para que se alcancem resultados concretos?”, “Melhorias das relações comerciais para o fortalecimento das relações intra-africanas e relações de comércio financeiro Sul-Sul”, “Oportunidades de investimento e comércio no Egipto”, entre outros, vão dominar os sete dias da IATF.

Paralelamente a feira, nos dias 12 e 13 deste mês, de forma simultânea, decorrerá a 7ª Reunião de Ministros Africanos do Comércio (AMOT) e encontros separados de negócio entre os empresários.

A 7ª Reunião de Ministros Africanos do Comércio, promovida pelo Departamento de Comércio e Indústria da União Africana, tem como objectivo acelerar o estabelecimento e implementação da Zona de Comércio Livre Continental Africana (ZCLCA) e o Plano de Trabalho Revisto de Transição.

O Afreximbank é uma instituição financeira africana, com sede no Cairo (Egito), cujo principal objectivo é promover e financiar o comércio dentro do continente africano e o comércio entre a África e outros continentes.

Participação de Angola na IATF/2018

Tendo em conta o novo contexto económico que o País atravessa, centrado na captação/atracção de investimento para alavancar a produção nacional e promover as exportações, Angola vai participar neste evento com uma delegação de mais de cem pessoas, que será chefiada pelo ministro do Comércio, Jofre Van-Dúnem Júnior.

Até esta terça-feira, a comissão técnica da delegação angolana, coordenada pelo Ministério do Comércio, em parceria com a Comunidade de Empresas Exportadoras e Internacionalizadas de Angola (CEEIA), registou a confirmação de 27 empresas nacionais, que durante sete dias vão apresentar as potencialidades e oportunidades de negócio que o País oferece.

Fazem parte das empresas já inscritas para a feira, a Sodiam E.P, AIPEX, Sociedade Mineira de Catoca, Banco de Desenvolvimento de Angola (BDA), Banco Africano de investimento (BAI), Filda e Expo-Indústria, Refriango, Angola Cables, CEEIA, Opaia Group, Anglobal, Eventos Arena, AIBA, ANIMA, Logipharma, Miracel, Aenergy, Grupo AA, FMEA, MP, CNC, IMEX, BDM, entre outras.

As empresas angolanas vão expor os seus produtos e serviços, assim como estabelecer contactos de parcerias numa área estimada em mais de trezentos metros cúbicos, concebidos para 26 stands.

Segundo agenda de viagem para o Cairo, que Angop teve acesso hoje, a delegação angolana, composta por empresários, funcionários do Ministério do Comércio, membros da CEEIA e jornalistas, sai de Angola para o Egipto neste domingo, dia 9.

A participação de Angola na primeira Feira Comercial Intra-Africana (IATF/2018), constitui uma oportunidade ímpar para as empresas angolanas promoverem a imagem do País, em termos das potencialidades económicas, e interagirem com os investidores e potenciais parceiros africanos, segundo Sebastião Panzo, consultor da CEEIA.

Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Translate »