Notícias de Angola - Toda a informação sobre Angola, notícias, desporto, amizade, imóveis, mulher, saúde, classificados, auto, musica, videos, turismo, leilões, fotos

Projecto de fábrica de açúcar necessita de USD 25 milhões

Angop

Pelo menos 25 milhões de dólares norte-americanos é o valor do investimento necessário, em equipamentos, para que a Fazenda Agro-Industrial Vista Alegre, do grupo Alves & Irmãos, no Lobito, arranque com a montagem de uma fábrica de açúcar na província de Benguela, segundo o seu presidente, Victor Manuel Alves.

Ao falar hoje à Angop, o empresário admite que o projecto já foi submetido ao Banco de Desenvolvimento de Angola (BDA), para financiamento e prevê criar, de forma faseada, aproximadamente dois mil postos de trabalho, entre directos e indirectos, numa área de cinco mil hectares de cana na comuna do Cayave, município de Caimbambo, Sul da província de Benguela.

Victor Manuel Alves escusa-se, por enquanto, a revelar a capacidade de produção projectada, mas esclarece que os investimentos são para aquisição de máquinas como plantadoras automáticas na África do Sul, Brasil e China, para promover maior rentabilidade.

“Enquanto 300 homens plantam três hectares por dia, uma máquina automática planta 300 hectares por dia”, disse o empresário, lamentando que até o momento não tem dinheiro e que o banco alega falta de divisas, situação que impede o arranque do projecto.

“Mas faltam os apoios bancários. Eu não sou milionário. Sou um lutador. Já pedi aos bancos, mas também não têm”, queixou-se. E considera de seguida ser importante aumentar a oferta de emprego para travar o êxodo rural para as cidades, até porque há muita mão-de-obra na província de Benguela.

Com este projecto, continuou, a empresa com sede no Lobito assume-se como a primeira e única na província de Benguela com a possibilidade de fabricar açúcar para a indústria alimentar nacional, no intuito de reduzir as importações deste produto.

A energia para o funcionamento da futura fábrica de açucar não será problema, já que, segundo Victor Manuel Alves, a Fazenda Vista Alegre conta com uma mini hídrica, com capacidade de dois megawatts para alimentar a unidade fabril.

Victor Manuel Alves defende que os investimentos que o grupo empresarial Alves & Irmãos tem feito nos últimos anos visam sobretudo ajudar a economia nacional.

Neste momento, a Fazenda Vista Alegre, localizada na região de Cayave, tem umas 20 variedades de cana resultantes das experiências da ProCana, uma firma do Estado já extinta.

Outro desígnio da Fábrica Agro-industrial Vista Alegre é aumentar a produção de álcool etílico para cerca de 50 mil litros por dia, em 2019, contra os actuais 20 mil, no âmbito do processo de reestruturação da empresa e de melhorias da capacidade produtiva, de modo a ir ao encontro das exigências e necessidades do mercado.

Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está bem com isso, mas você pode optar por sair, se desejar. Aceitar Leia mais

Translate »